Translate

terça-feira, 26 de maio de 2020

Oração do Amor


"Senhor, ilumina meus olhos para que eu veja os defeitos da minha alma, e assim os vendo, que eu não comente os defeitos alheios.

Senhor, leva a minha tristeza e não a entregues a mais ninguém!

Enche meu coração com a divina fé, para sempre louvar o Teu nome, e arranca de mim o orgulho e a presunção.

Senhor, faze de mim um ser humano realmente justo!

Dá-me a vontade e a capacidade de vencer todas as minhas ilusões, sabedoria e entendimento para as coisas que não posso mudar, e coragem e força para as que eu posso e devo mudar.

Planta em meu coração a sementeira do amor, ajuda-me a encher meu coração de energia e felicidade, para com isso fazer feliz o maior número de pessoas, para ampliar nossos dias risonhos e resumir nossas noites tristonhas.

Transforma meus rivais em companheiros, meus companheiros em amigos, meus amigos em entes queridos... não permitas que eu seja um cordeiro perante os fortes nem um leão perante os fracos.

Dá-me senhor o sabor de perdoar e afasta de mim o desejo de vingança, mantendo sempre em meu coração o amor, a vontade verdadeira e a inteligência."

Autoria desconhecida

sábado, 23 de maio de 2020

A verdade que fere é pior que a mentira que consola?

"Interagir nos grupos a que pertencemos significa se comunicar, e na comunicação ou falamos a verdade ou falamos a mentira.

Vários podem ser os motivos que nos levam a mentir, até mesmo querer ser cordial ou evitar aborrecer outras pessoas. 

Mas seria legal mentir para que a outra pessoa não fique chateada?

A mentira, mesmo a mentira que consola, faz a outra pessoa interpretar que tudo vai bem, e que, portanto, nada precisa ser reformado. É como se lhe tirassem o direito ao raciocínio, fazendo-a estagnar em seu processo evolutivo.

Jesus ensinou que somente a verdade pode nos libertar dos sofrimentos¹. A verdade nos permite conhecer a realidade e raciocinar as soluções que realmente cabem nas questões que a vida nos apresenta, superando obstáculos e seguindo em frente.

Mesmo que cause desconforto, a verdade não é ruim. Embora nem sempre seja aceita pela outra pessoa, por despertar-lhe a consciência e solicitar-lhe a reforma, é nosso dever moral não faltar com a verdade. Ela deve ser dita sempre.

Mas a verdade só resultará no bem se formos cuidadosos. Primeiro, quanto ao modo de revelar a verdade, recordando outra lição de Jesus: a de sermos brandos e pacíficos². É preciso moderação, mansuetude, afabilidade e paciência.

Depois, precisamos tomar cuidado com a dose de verdade que cada um já consegue suportar. Para isso precisamos ter sensibilidade, compreensão e compaixão. Tal como nós, cada um tem uma capacidade relativa de compreender o que lhe diz respeito. A verdade deve ser dita na medida certa, se necessário em doses homeopáticas.

Esses cuidados são muito importantes para que a verdade não fira, deixando de ser um bem. A verdade que fere é pior que a mentira que consola, porque é uma causa de desequilíbrio e sofrimento para a outra pessoa, muitas vezes de longa e difícil recuperação.


A verdade deve ser dita com naturalidade, sem excessos de emoção ou informação. Jesus ensinou que o nosso falar deve ser “sim, sim; não, não”, e o que passa disso é prejudicial.³

Sábias são as palavras uma vez psicografadas por Chico Xavier: “no mundo, a fórmula para se encontrar a felicidade, com esplendor, é uma gota de verdade, dentro de um litro de amor”."

Referências: 1 - João, cap. 8, versículo 32; 2 - Mateus, cap. 5, versículo 5. O Evangelho Segundo o Espiritismo, capítulo 9; 3 - Mateus, cap. 5, versículo 37.
____
Fonte: "Verdade que fere e mentira que consola" - Site do "Grupo Beneficente José Nunes Feller" (reprodução) - Imagem: Placas indicando caminhos: "Verdade" e "Mentira" - editada da internet, meramente ilustrativa.

quinta-feira, 21 de maio de 2020

Orações para conseguir emprego

Deus esteja comigo hoje para encontrar emprego. Guia-me até um lugar com uma atmosfera de respeito e cooperação, num ambiente seguro e feliz. Ajude-me a encontrar a realização mental e financeira. Obrigado, Deus, por trazer isso para mim! Amém!

Oração para Conseguir Emprego


"Senhor, dou graças por ser inteligente e agir com sabedoria.
A divina inteligência abre as portas do sucesso para mim.

Sinto que um ótimo trabalho está surgindo em minha vida, com excelente remuneração.

É um trabalho de que eu gosto e com o qual me identifico, e nele sou útil, usando todos os meus conhecimentos.

É um trabalho com uma equipe motivadora e um líder competente e justo, com o qual todos gostam de lidar.

Senhor, o Universo, a minha mente e a divina inteligência do meu subconsciente são Instrumentos do vosso poder e agem agora, preparando essa conquista dentro de mim e no cosmo, trazendo-me essa feliz oportunidade. Rendo-vos graças e sou feliz por Vossa intervenção.

Que assim seja!"

Oração forte para Conseguir Emprego


"Jesus, abre-me uma porta!

Senhor, atende este clamor que brota do mais íntimo do meu coração: "abre-me uma porta!"...

Só Tu sabes e conheces, Jesus, o momento de dificuldade pelo qual
eu e toda a minha família estamos passando por causa do desemprego.

Tu sabes também, Senhor, com quanta esperança eu me aproximo de Ti para pedir que vás à minha frente, abrindo uma porta e preparando um emprego, para que eu possa, por meio de um trabalho digno, dar à minha família "o pão nosso de cada dia".

"Porque vós sois, ó meu Deus, minha esperança..."

Peço ainda que me concedas todo ânimo, confiança, destemor e fortaleza, para sair de minha casa em busca desse trabalho, na certeza de que Tuas Mãos, estendidas a meu favor, baterão nessas portas antes de mim, preparando a minha entrada num emprego segundo a Tua Vontade.

Confiando inteiramente na Tua Palavra, que diz: "Batei e abrir-se-vos-à..., ao que bater se lhe abrirá" (Lucas 11:9).

Já Te agradeço, de todo o meu coração, porque acredito que "a Deus nenhuma coisa é impossível" (Lucas 1:37)."

terça-feira, 19 de maio de 2020

Oração à Senhora do Silêncio

Senhora do Silêncio


Capa do livro "O Silêncio de Maria" - Autor: Frei Inácio Larrañaga (Edições Paulinas)
"Mãe do Silêncio e da Humildade,
tu vives perdida e encontrada
no mar sem fundo do Mistério do Senhor.
Tu és disponibilidade e receptividade.
Tu és fecundidade e plenitude.
Tu és atenção e solicitude pelos irmãos.
Estás revestidas de fortaleza.

Resplandecem em ti a maturidade humana
e a elegância espiritual.
És senhora de ti mesma antes de ser nossa Senhora.
Em ti não existe dispersão.

Em um ato simples e total, tua alma, toda imóvel,
está paralisada e identificada com o Senhor.
Estás em Deus, e Deus em ti.
O Mistério total te envolve
e te penetra e te possui,
ocupa e entrega todo o teu ser.

Parece que em ti tudo ficou parado,
tudo se identificou contigo: o tempo, o espaço,
a palavra, a música, o silêncio, a mulher, Deus.
Tudo ficou assumido em ti, e divinizado.

Jamais se viu figura humana de tamanha doçura,
nem se voltará a ver nesta terra
uma mulher tão inefavelmente evocadora.
Entretanto, teu silêncio
não é a ausência mas presença.

Estás abismada no Senhor e, ao mesmo tempo,
atenta aos irmãos, como em Caná.
A comunicação nunca é tão profunda como
quando não se diz nada, e o silêncio
nunca é tão eloqüente como quando nada se comunica.

Faze-nos compreender que o silêncio não é
desinteresse pelos irmãos, mas fonte
de energia e de irradiação,
não é encolhimento mas projeção.
Faze-nos compreender que,
para derramar, é preciso preencher-se.

Afoga-se o mundo no mar da dispersão,
e não é possível
amar os irmãos com um coração disperso.
Faze-nos compreender que o apostolado,
sem silêncio, é alienação, e que o silêncio,
sem apostolado, é comodidade.

Envolve-nos em teu manto de silêncio e comunica-nos
a fortaleza de tua FÉ, a altura de tua Esperança
e a profundidade de teu Amor.
Fica com os que ficam e vem com os que partem.
Ó Mãe Admirável do Silêncio!"

Fonte: da capa do livro "O Silêncio de Maria" - Autor: Frei Inácio Larrañaga (Edições Paulinas) - Citação parcial da obra, para estudo (e oração), de acordo com o artigo 46, item III, da Lei de Direitos Autorais - Imagem: Capa do livro "O Silêncio de Maria" (Divulgação/Internet)

sábado, 16 de maio de 2020

Tantra tem a ver com sexo?

De acordo com o iogue, escritor e místico indiano, Sadhguru, Tantra nada tem a ver com sexo!


Agástya Muni, um dos sete sábios
que foram os primeiros discípulos de Shiva
"Tantra significa extrema disciplina. Não é promiscuidade desenfreada. É aprender a usar seu corpo e sua mente assim como usa algum outro instrumento externo. Esta foi a tremenda dádiva trazida por Agastya Muni, ele estabeleceu um processo tântrico baseado cem por cento no corpo, nada vindo do exterior.

A palavra Tantra significa técnica ou tecnologia. Mas porque o Tantra que todos conhecem foi escrito por autores ocidentais, as pessoas têm uma ideia errada do Tantra. Do mesmo modo que você aprende a usar um computador, também aprende a usar seu corpo e sua mente.

Os livros tântricos se referem ao corpo, e para a sociedade moderna, se você diz corpo, as pessoas pensam nos órgãos sexuais e nada além disso. Elas se esquecem do cérebro.

O Tantra indica como aprender a usar o corpo, que é um mecanismo fantástico. Se você não sabe como usá-lo, o que fará neste mundo? Você não causará impacto em coisa alguma. Portanto, isso é Tantra. Tantra significa essa capacidade.

Não existe guru sem Tantra, sem tecnologia.

Um guru sem Tantra apenas pode ser um santo que posa abençoando as pessoas. Esse tipo de santo não é para as pessoas que buscam a iluminação. É apenas para as pessoas que buscam pequenas melhorias em suas vidas, como uma roupa nova ou um carro novo. Mas se você quer crescimento espiritual, quer conhecer sua natureza interior, o guru precisa ter a capacidade de proporcionar isso.

Existem duas dimensões no Tantra. Numa você usa materiais externos, é uma dimensão ritualística. Na outra, o Tantra ióguico, você usa apenas seu corpo físico e o sistema de energia do corpo. Não precisa de mais nada. Essas duas dimensões têm sido classificadas como Caminho da Mão Esquerda e Caminho da Mão Direita.

O Caminho da Mão Esquerda usa materiais externos e o Caminho da Mão Direita apenas usa o corpo, que é o Tantra ióguico, que foi a dádiva que Agastya ofereceu à humanidade."
Sadhguru*

*Jaggi Vasudev, comumente referido como Sadhguru é um iogue, místico e escritor indiano. Fundou a Fundação Isha, uma organização sem fins lucrativos que oferece programas de Ioga ao redor do mundo. e envolve-se ativamente em divulgação, educação e iniciativas em prol do meio ambiente e da filosofia de vida iogue - Imagem: Agástya Muni, um dos sete sábios que foram os primeiros discípulos de Shiva (Internet/Divulgação)

quarta-feira, 13 de maio de 2020

"Tipos de Sabedoria", texto de Chico Xavier

Francisco Cândido Xavier, o Chico Xavier
"Quando você conseguir superar graves problemas de relacionamentos, não se detenha na lembrança dos momentos difíceis, mas na alegria de haver atravessado mais essa prova em sua vida.

Quando sair de um longo tratamento de saúde, não pense no sofrimento que foi necessário enfrentar, mas na bênção de Deus que permitiu a cura.

Leve na sua memória, para o resto da vida, as coisas boas que surgiram nas dificuldades. Elas serão uma prova de sua capacidade, e lhe darão confiança diante de qualquer obstáculo.

Uns queriam um emprego melhor; outros, só um emprego.
Uns queriam uma refeição mais farta; outros, só uma refeição.
Uns queriam uma vida mais amena; outros, apenas viver.
Uns queriam pais mais esclarecidos; outros, ter pais.
Uns queriam ter olhos claros; outros, enxergar.
Uns queriam ter voz bonita; outros, falar.
Uns queriam silêncio; outros, ouvir.
Uns queriam sapato novo; outros, ter pés.
Uns queriam um carro; outros, andar.
Uns queriam o supérfluo; outros, apenas o necessário.
Há dois tipos de sabedoria: a inferior e a superior.

A sabedoria inferior é dada pelo quanto uma pessoa sabe e a superior é dada pelo quanto ela tem consciência de que não sabe.

Tenha a sabedoria superior.


Seja um eterno aprendiz na escola da vida.


A sabedoria superior tolera; a inferior, julga; a superior, alivia; a inferior, culpa; a superior, perdoa; a inferior, condena.

Tem coisas que o coração só fala para quem sabe escutar!"

Chico Xavier

"Uma mágoa não é motivo para outra mágoa. Uma lágrima não é motivo para outra lágrima. Uma dor não é motivo para outra dor. Só o riso, o amor e o prazer merecem revanche. O resto, mais que perda de tempo... é perda de vida."
____
Fonte: transcrição de trecho do livro "Mensagens para o Coração", de Flávio Araújo, página 16 - Citação parcial para estudo, de acordo com o artigo 46, item III, da Lei de Direitos Autorais - Imagem: foto de Chico Xavier por volta dos anos 60, autoria desconhecida (Divulgação/Internet)

segunda-feira, 11 de maio de 2020

O combate à tirania segundo Emmanuel: "Círculos Intercessórios"

627. Uma vez que Jesus ensinou as verdadeiras leis de Deus, qual a utilidade do ensino que os Espíritos dão? Terão que nos ensinar mais alguma coisa? ...A nossa missão consiste em abrir os olhos e os ouvidos a todos, confundindo os orgulhosos e desmascarando os hipócritas: os que vestem a capa da virtude e da religião, a fim de ocultarem suas torpezas...
“Ajudando-nos também vós com orações por nós, para que pela mercê, que por muitas pessoas nos foi feita, por muitas também sejam dadas graças a nosso respeito.”                  (II Coríntios, 1:11)

"O mal empreende o ataque, o bem organiza a defesa. O primeiro movimenta a agressão, estabelece o terror, espalha ruínas. O segundo mobiliza o direito, cria energias novas, eleva sentimentos e consciências.

Os povos pacíficos da atualidade encontram problemas de solução imediata, cuja equação requer ânimo sadio. Como interpretar o assédio da força? Como receber as novas modalidades de tirania?

O ataque do mal vem à sombra da noite, o golpe traiçoeiro não espera declarações diplomáticas, nem a invasão generalizada obedece a protocolos políticos.

Muitas nações mantiveram-se à margem dos grandes conflitos, guardando a neutralidade e as tradições do direito internacional. Nem por isso, todavia, tornaram-se respeitadas. A onda de barbarismo envolve países, coletividades, continentes.

É necessário que o bem organize a defesa.

Muita gente pergunta:- Combater por quê? Estamos com Jesus que ensinou o bem e a paz. Entretanto, é indispensável não esquecer que existem padrões de pacifismo e padrões de passividade.

O Mestre é o Príncipe da Paz. Contudo, é imprescindível raciocinar quanto ao que seria do cristianismo se Jesus houvesse entrado em acordo com os fariseus do templo… A batalha do Calvário iniciou o movimento de defesa do Evangelho. Continuaram, então, as batalhas cristãs, desde os circos romanos até aos campos sangrentos da atualidade.

Eis que o Brasil, generoso e pacífico, foi convocado às lutas da defesa. Nesta hora grave, recordemos a exortação confiante de Paulo: “Fundemos círculos intercessórios para a cooperação ativa junto às vanguardas vigilantes”.

Organizemos ligas de orações nos templos, nas instituições e nos lares, compadecendo, espiritualmente no esforço defensivo, auxiliando também nós, no valoroso combate do bem."
____
Fonte: Emmanuel, in "Alma e Luz", psicografia de Chico Xavier - Capítulo: 4 – "Círculos Intercessórios" / Versículo: II Coríntios, 1:11 - Imagem: Allan Kardec, in "O Livro dos Espíritos", trecho de resposta dos Espíritos à questão 627.

Questão 627 - "O Livro dos espíritos"


Parte Terceira - Das leis morais - Capítulo I - Da Lei Divina ou Natural - Origem e conhecimento da lei natural

627. Uma vez que Jesus ensinou as verdadeiras leis de Deus, qual a utilidade do ensino que os Espíritos dão? Terão que nos ensinar mais alguma coisa?

“Jesus empregava amiúde, na sua linguagem, alegorias e parábolas, porque falava de conformidade com os tempos e os lugares.

Faz-se mister agora que a verdade se torne inteligível para todo mundo.

Muito necessário é que aquelas leis sejam explicadas e desenvolvidas, tão poucos são os que as compreendem e ainda menos os que as praticam.

A nossa missão consiste em abrir os olhos e os ouvidos a todos, confundindo os orgulhosos e desmascarando os hipócritas: os que vestem a capa da virtude e da religião, a fim de ocultarem suas torpezas.

O ensino dos Espíritos tem que ser claro e sem equívocos, para que ninguém possa pretextar ignorância e para que todos o possam julgar e apreciar com a razão.

Estamos incumbidos de preparar o reino do bem que Jesus anunciou. Daí a necessidade de que a ninguém seja possível interpretar a lei de Deus ao sabor de suas paixões, nem falsear o sentido de uma lei toda de amor e de caridade.”

domingo, 10 de maio de 2020

Mensagem de Meimei: "Mãezinha"

Mãezinha


Obra de arte "La Vierge, l'Enfant Jésus et sainte Anne" (A Virgem, O Menino Jesus e Santa Ana), "pintura de Leonardo da Vinci  (circa 1503), em exposição no Museu do Louvre, em Paris (CC0)
A Virgem, o Menino Jesus e Santa Ana, de Leonardo da Vinci
"Quando o Pai Celestial precisou colocar na Terra as primeiras criancinhas, chegou à conclusão de que devia chamar alguém que soubesse perdoar infinitamente. De alguém que não enxergasse o mal.

Que quisesse ajudar sem exigir pagamento.

Que se dispusesse a guardar os meninos (e meninas), com paciência e ternura, junto do coração.

Que tivesse bastante serenidade para repetir incessantemente as pequeninas lições de cada dia.

Que pudesse velar, noites e noites, sem reclamação.

Que cantarolasse, baixinho, para adormecer os bebês que ainda não podem conversar.

Que permanecesse em casa, por amor, amparando os meninos que ainda não podem sair à rua.

Que contasse muitas histórias sobre a vida e sobre o mundo.

Que abraçasse e beijasse as crianças doentes.

Que lhes ensinasse a dar os primeiros passos, garantindo o corpo de pé.

Que os conduzisse à escola, a fim de que aprendessem a ler.

Dizem que nosso Pai do Céu permaneceu muito tempo, examinando, examinando... e, em seguida, chamou a Mulher, deu-lhe o título de Mãezinha e confiou-lhe as crianças.

Por esse motivo, nossa Mãezinha é a representante do Divino Amor no mundo, ensinando-nos a ciência do perdão e do carinho, em todos os instantes de nossa jornada na Terra. Se pudermos imitá-la, nos exemplos de bondade e sacrifício que constantemente nos oferece, por certo seremos na vida preciosos auxiliares de Deus."

Pai nosso 


"Perdoa as nossas dívidas, assim como perdoamos aos nossos devedores" (Mt 6:12)

"Quando pronunciamos as palavras “perdoa as nossas dívidas, assim como perdoamos aos nossos devedores”, não apenas estamos à espera do benefício para o nosso coração e para a nossa consciência, mas estamos igualmente assumindo o compromisso de desculpar os que nos ofendem.

Todos possuímos a tendência de observar com evasivas os grandes defeitos que existem em nós, reprovando, entretanto, sem exame, pequeninas faltas alheias.
Por isso mesmo Jesus, em nos ensinando a orar, recomendou-nos esquecer qualquer mágoa que alguém nos tenha causado.

Se não oferecermos repouso à mente do próximo, como poderemos aguardar o descanso para os nossos pensamentos?

Será justo conservar todo o pão, em nossa casa, deixando a fome aniquilar a residência do vizinho?

A paz é também alimento da alma, e, se desejamos tranquilidade para nós, não nos esqueçamos do entendimento e da harmonia que devemos aos demais.
Quando pedirmos a tolerância do Pai Celeste em nosso favor, lembremo-nos também de ajudar aos outros com a nossa tolerância.

Auxiliemos sempre.

Se o Senhor pode suportar-nos e perdoar-nos, concedendo-nos constantemente novas e abençoadas oportunidades de retificação, aprendamos, igualmente, a espalhar a compreensão e o amor, em benefício dos que nos cercam."
____
Fonte: Mensagem da irmã Meimei, através de psicografia do médium Chico Xavier - XAVIER, Francisco Cândido. "Pai Nosso". Pelo Espírito Meimei. FEB - Imagem: Obra de arte "La Vierge, l'Enfant Jésus et sainte Anne" (A Virgem, O Menino Jesus e Santa Ana), "pintura de Leonardo da Vinci  (circa 1503), em exposição no Museu do Louvre, em Paris (CC0)

quarta-feira, 6 de maio de 2020

Meditação sobre o Pranava OM ॐ (Sai Baba)

"1. O melhor upadesh (ensino) é a sílaba sagrada (pranava) OM, que resume diversos princípios de teologia, filosofia e misticismo. As criancinhas, quando aprendendo a engatinhar, contam com um carrinho de três rodas que empurram para a frente enquanto se apóiam em uma barra.

O OM é um veículo assim, para servir às crianças espirituais. As três rodas são A, U e M, os três componentes do mantra. OM é o som primeiro e está inerente no sopro vital.

Cada vez que respiramos, dizemos Soham. So, enquanto inspiramos; e ham, enquanto expiramos. Soham significa: Ele (So) e Eu (ham), implantando em nós mesmos a convicção de que Ele, que é todo este mundo externo, é Eu, que sou todo este mundo interno, instilando assim a convicção da Unidade.

Durante o sono profundo, quando os sentimentos, o cérebro e a mente dormem e se quedam desativados, Ele e eu não são percebidos como separados; o So (Ele) e o ham (Eu), ambos se desfazem, o Soham se transforma então em OM, indicando o mergulhar do externo no interno, em uma só verdade.

O OM tem muitas outras significações, a e meditação sobre a OM é um valioso sadhana (disciplina). É como as setes cores do raio solar se fundindo em uma luz sem cor.
-o-o-o-

7. Mantra (fórmula verbal sagrada) e japa (repetição de um mantra) são essenciais a todos os tipos de homens.

O que é mantra?

Ma significa Manama (atividade da mente) e tra significa aquilo que pode salvar. Se for tomado como objeto de meditação, o mantra pode salvar você dos meandros desta vida mundana, que é infestada de aflição, dor e morte.

De todos os mantras, o parava (OM) é o melhor, o supremo. De todos os outros mantras, ele é a cabeça da coroa."

Om Sai Ram!

Saiba como meditar praticando o Pranava OM, clique aqui.
____
Sai Baba, in "Sadhana O Caminho Interior" - Tradução de Prof. José Hermógenes - 4ª edição - Editora Nova Era (Cap. IV 1-7, págs. 88 e 91) - Citação parcial para estudo, de acordo com o artigo 46, item III, da Lei de Direitos Autorais - Imagem: OM, um símbolo no Hinduismo (Wikimedia Commons - imagem em domínio público - CC0)

domingo, 3 de maio de 2020

Salmo LXXII: “A autoridade que o povo quer”

Cada Salmo foi criado com um propósito em especial, colocando-nos em sintonia com Deus, através das entidades e energias celestiais que regem o Universo. Os Salmos possuem ritmo e cadência, podendo; além de serem lidos e recitados, também ser cantados; para que haja melhor sintonia com as entidades celestes que servem ao Trono de Deus, fazendo assim com que nosso clamor chegue até Ele e possamos ter nossas necessidades atendidas.


Leia e recite o Salmo 72 para auxiliar o tratamento das doenças dos membros, dos rins e do coração, articulações e paralisia, como aliado no combate aos problemas mentais, moléstias que afetam o intelecto, a ambição exagerada e vícios em geral.

É importante lembrar que o Salmo 72 foi escrito durante o reinado de Salomão, para clamar ao Senhor por saúde e justiça. Tem então efeito poderoso junto a Deus, para que os governantes tratem o povo com justiça; cumprindo com a obrigação que lhes é confiada pelo Senhor. “A autoridade que o povo quer.”

Como Salmo de justiça, em conjunto com outros Salmos, pode ser utilizado para pedir que a Vontade Divina seja feita, e a justiça prevaleça, protegendo-nos e livrando-nos de líderes tiranos. Serve bem, igualmente, para que os vínculos de boas amizades sejam fortalecidos, mantendo e atraindo mais amigos e amigas fiéis para o nosso convívio.

Salmo 72, de Salomão. "Oração em favor do rei"


1. Ó Deus, ensina o rei a julgar de acordo com a tua justiça! Dá-lhe a tua justiça

2. para que governe o teu povo com honestidade e trate com justiça os explorados.

3. Que haja prosperidade no país, pois o povo faz o que é direito!

4. Que o rei julgue os pobres honestamente! Que ele ajude os necessitados e derrote os que exploram o povo!

5. Que o rei viva enquanto o sol durar e a lua existir, por gerações sem fim!

6. Que o rei seja como a chuva que cai sobre os campos, como os aguaceiros que regam a terra!

7. Que a justiça floresça durante a sua vida, e que haja prosperidade enquanto a lua brilhar!

8. O seu reino irá de um mar a outro e desde o rio Eufrates até os fins da terra.

9. Os povos do deserto se curvarão diante dele, e os seus inimigos se humilharão aos seus pés.

10. Os reis da Espanha e das ilhas lhe oferecerão presentes, e assim também os reis da Arábia e da Etiópia.

11. Todos os reis se curvarão diante dele, e todas as nações lhe obedecerão.

12. O rei ajuda os pobres que lhe pedem socorro; ele ajuda os necessitados e os abandonados.

13. Ele tem pena dos fracos e dos necessitados e salva a vida dos que precisam de auxílio.

14. Ele os livra da exploração e da violência; a vida deles é preciosa para ele.

15. Viva o rei! Que ele receba ouro da Arábia! Que todos os dias sejam feitas orações em favor dele, e que Deus sempre o abençoe!

16. Que no país haja fartura de cereais! Que os montes fiquem cobertos de colheitas e produzam tanto quanto os montes Líbanos! Que as cidades fiquem cheias de gente como o capim cobre os campos!

17. Que o nome do rei nunca seja esquecido, e que a sua fama dure enquanto o sol existir! Que todos os povos peçam que Deus os abençoe assim como ele tem abençoado o rei!

18. Louvem o Senhor, o Deus de Israel, pois é ele quem faz essas coisas maravilhosas.

19. Louvem para sempre o seu nome glorioso, e que a sua glória encha o mundo inteiro! Amém! Amém!

20. Aqui terminam as orações de Davi, filho de Jessé.


sexta-feira, 1 de maio de 2020

Sobre o limite do trabalho e o repouso, in "O Livro dos Espíritos"

Limite do Trabalho. Repouso. (Perguntas 682 a 685-a) – O Livro dos Espíritos, de Allan Kardec


Um arado oxidado velho da exploração agrícola da mão que senta-se na grama verde com uma lagoa da exploração agrícola e as árvores no fundo, na luz do fim da tarde.  Crédito: Sheila Brown usando uma Canon EOS Rebel T6i 1/400s, f 5.6, ISO 400, 140 mm

O LIVRO DOS ESPÍRITOS - CAP. 3 - LEI DO TRABALHO


II – Limite do Trabalho. Repouso. (Perguntas 682 a 685-a)

682. Sendo o repouso uma necessidade após o trabalho, não é uma lei da Natureza?

— Sem dúvida, o repouso serve para reparar as forças do corpo. É também necessário para deixar um pouco mais de liberdade à inteligência que deve elevar-se acima da matéria.

683. Qual é o limite do trabalho?

— O limite das forças; não obstante, Deus dá liberdade ao homem.

684. Que pensar dos que abusam da autoridade para impor aos seus inferiores um excesso de trabalho?

— É uma das piores ações. Todo homem que tem o poder de dirigir é responsável pelo excesso de trabalho que impõe aos seus inferiores, porque transgride a lei de Deus. (Ver item 273*).

685. O homem tem direito ao repouso na sua velhice?

— Sim, pois não está obrigado a nada, senão na proporção de suas forças.

685-a. Mas o que fará o velho que precisa trabalhar para viver e não pode?

— O forte deve trabalhar para o fraco; na falta da família, a sociedade deve ampará-lo: é a lei da caridade.

Comentário de Kardec: Não basta dizer ao homem que ele deve trabalhar, é necessário também que o que vive do seu trabalho encontre ocupação, e isso nem sempre acontece. 

Quando a falta de trabalho se generaliza, toma as proporções de um flagelo, como a escassez. A ciência econômica procura o remédio no equilíbrio entre a produção e o consumo, mas esse equilíbrio, supondo-se que seja possível, sofrerá sempre intermitências e durante essas fases o trabalhador tem necessidade de viver.

Há um elemento que não se ponderou bastante, e sem o qual a ciência econômica não passa de teoria: a educação. Não a educação intelectual, mas a moral, e nem ainda a educação moral pelos livros, mas a que consiste na arte de formar os caracteres, aquela que cria os hábitos, porque educação é conjunto de hábitos adquiridos.

Quando se pensa na massa de indivíduos diariamente lançados na corrente da população, sem princípios, sem freios, entregues aos próprios instintos, deve-se admirar das consequências desastrosas desse fato?

Quando essa arte for conhecida, compreendida e praticada, o homem seguirá no mundo os hábitos de ordem e previdência para si mesmo e para os seus, de respeito pelo que é respeitável, hábitos que lhe permitirão atravessar de maneira menos penosa os maus dias inevitáveis.

A desordem e a imprevidência são duas chagas que somente uma educação bem compreendida pode curar. Nisso está o ponto de partida, o elemento real do bem-estar, a garantia da segurança de todos.

*NOTA: V – Escolha das Provas

273. Um homem pertencente a uma raça civilizada poderia, por expiação, reencarnar-se numa raça selvagem?

— Sim, mas isso depende do gênero da expiação. Um senhor que tenha sido duro para os seus escravos poderá tornar-se escravo e sofrer os maus tratos que infligiu a outros. 

Aquele que mandou numa época, pode, em outra existência, obedecer aos que se curvaram ante a sua vontade. É uma expiação, se ele abusou do poder e Deus pode determiná-la. Um bom Espírito pode, para os fazer avançar, escolher uma vida de influência entre esses povos. Então se trata de uma missão.
____
Fonte: "O Livro dos Espíritos", de Allan Kardec - Imagem: Arado de mão de moda antiga, por Sheila Brown (CC0)

quarta-feira, 29 de abril de 2020

59 Frases e Pensamentos de Confúcio, para reflexão e meditação


Confúcio, (28/09/551 a.C. - 11/04/479 a.C.) foi um pensador e filósofo chinês do Período das Primaveras e Outonos. A filosofia de Confúcio sublinhava uma moralidade pessoal e governamental, os procedimentos corretos nas relações sociais, a justiça e a sinceridade. (Wikipédia)

Frases e Pensamentos de Confúcio


"Quando vires um homem bom, tenta imitá-lo; quando vires um homem mau, examina-te a ti mesmo."

"Se queres prever o futuro, estuda o passado."

"Transportai um punhado de terra todos os dias e fareis uma montanha."

"Querem que vos ensine o modo de chegar à ciência verdadeira?  Aquilo que se sabe, saber que se sabe; aquilo que não se sabe, saber que não se sabe; na verdade é este o saber."

"O que sabemos, saber que o sabemos. Aquilo que não sabemos, saber que não o sabemos: eis o verdadeiro saber."

"Ainda não vi ninguém que ame a virtude tanto quanto ama a beleza do corpo."

"Aja antes de falar e, portanto, fale de acordo com os seus atos."

"Até que o sol não brilhe, acendamos uma vela na escuridão."

"Coloque a lealdade e a confiança acima de qualquer coisa; não te alies aos moralmente inferiores; não receies corrigir teus erros."

"Não são as ervas más que afogam a boa semente, e sim a negligência do lavrador."

"Ver o bem e não fazê-lo é sinal de covardia."

"Foge por um instante do homem irado, mas foge sempre do hipócrita."

"Conta-me o teu passado e saberei o teu futuro."

"O homem de palavra fácil e personalidade agradável raras vezes é homem de bem."

"A virtude está no meio. Quem o ultrapassa não logra mais que os infelizes privados de alcançá-lo."

"Como é que um homem sem as virtudes que lhe são próprias pode cultivar a música?"

"O mestre disse: Quem se modera, raramente se perde."

"Poder sem magnanimidade e ar de luto sem dor, são coisas que não suporto presenciar."

"O mestre disse a um dos seus alunos: Yu, queres saber em que consiste o conhecimento?  Consiste em ter consciência tanto de conhecer uma coisa quanto de não a conhecer. Este é o conhecimento."

"Escolhe um trabalho de que gostes, e não terás que trabalhar nem um dia na tua vida."

"Em todas as coisas o sucesso depende de uma preparação prévia, e sem tal preparação o falhanço é certo."

"Para conhecermos os amigos é necessário passar pelo sucesso e pela desgraça. No sucesso, verificamos a quantidade e, na desgraça, a qualidade."

"A experiência é uma lanterna dependurada nas costas que apenas ilumina o caminho já percorrido."

"Da força à injustiça há só um passo."

"A humildade é a única base sólida de todas as virtudes."

"Quem não sabe o que é a vida, como poderá saber o que é a morte?"

"Quando os médicos diferem, o paciente morre."

"Exige muito de ti e espera pouco dos outros. Assim, evitarás muitos aborrecimentos."

"O mestre disse: Pode-se induzir o povo a seguir uma causa, mas não a compreendê-la."

"O homem sem constância não pode ser consolador nem médico."

"Quem de manhã compreendeu os ensinamentos da sabedoria, à noite pode morrer contente."

"Não há coisa mais fria do que o conselho cuja aplicação seja impossível."

"O homem superior atribui a culpa a si próprio; o homem comum aos outros."

"O coração do sábio, tal como o espelho, deve a tudo refletir, sem todavia macular-se."

"Saber o que é correto e não o fazer é falta de coragem."

"Ultrapassar os limites não é um erro menor do que ficar aquém deles."

"Mil dias não bastam para aprender o bem; mas para aprender o mal, uma hora é demais."

"Não fales bem de ti aos outros, pois não os convencerás. Não fales mal, pois te julgarão muito pior do que és."

"Somente os extremamente sábios e os extremamente estúpidos é que não mudam."

"A cultura está acima da diferença da condição social."

"Pensar sem aprender torna-nos caprichosos, e aprender sem pensar é um desastre."

"O mestre disse: Não quero nada com quem não se pergunta: como fazer, como fazer?"

"O mestre disse: O pródigo é arrogante e o avaro é mesquinho. É preferível a mesquinhez à arrogância."

"O sábio envergonha-se dos seus defeitos, mas não se envergonha de os corrigir."

"Aquele que não prevê as coisas longínquas expõe-se a desgraças próximas."

"O silêncio é um amigo que nunca trai."

"A essência do conhecimento consiste em aplicá-lo, uma vez possuído."

"O mestre disse: Por natureza, os homens são próximos; a educação é que os afasta."

"Aquele que reprime os ímpetos da cólera estará a coberto de qualquer perigo. É conveniente saber sufocar, ou ao menos moderar a cólera, o temor, a tristeza, a alegria, e outras agitações profundas que podem alterar a retidão da alma."

"Aprende a viver bem, e bem saberás morrer."

"Entre amigos as frequentes censuras afastam a amizade."

"O mestre disse: Quem chega aos quarenta anos sem ser estimado, não o será nunca mais."

"Se de manhã pudermos aprender o que é correto, devemos sentir-nos contentes se morrermos à tarde."

"O mestre disse: Não é grave se os homens não te conhecem, grave é se tu não os conheces."

"Sem uma língua comum não se podem concluir os negócios."

"De nada vale tentar ajudar aqueles que não se ajudam a si mesmos."

"É preciso que o discípulo da sabedoria tenha o coração grande e corajoso. O fardo é pesado e a viagem longa."

"Todos os homens se nutrem, mas poucos sabem distinguir os sabores."

"Para quê preocuparmo-nos com a morte? A vida tem tantos problemas que temos de resolver primeiro."

domingo, 26 de abril de 2020

Reflexão: "Viver como as flores"

"Em um antigo mosteiro budista, um jovem monge questiona o mestre:

“Mestre, como faço para não me aborrecer?

Algumas pessoas falam demais, outras são ignorantes, muitas são indiferentes.

Sinto ódio das mentirosas e sofro com as que caluniam.”

“Pois viva como as flores,” orientou o mestre.

“E como é viver como as flores?” Perguntou o discípulo.

“Repare nas flores,” falou o mestre, apontando os lírios que cresciam no jardim.

“Elas nascem no esterco, entretanto, são puras e perfumadas.

Extraem, do adubo malcheiroso, tudo que lhes é útil e saudável… mas não permitem que o azedume da terra manche o frescor de suas pétalas.

É justo inquietar-se com as próprias imperfeições, mas não é sábio permitir que os vícios dos outros o perturbem.

Os defeitos deles são deles e não seus.

Se não são seus, não há razão para aborrecimento.

Exercite, pois, a virtude de rejeitar todo mal que vem de fora.

Isso é viver como as flores.”

Numa simples orientação, sem dúvida, uma grande e nobre lição de bem-viver.

Mas, para viver como as flores, é preciso, ainda, observar outras características que elas nos oferecem como exemplo.

Importante notar que nem todas as flores têm facilidades, mas todas têm algo em comum: florescem onde foram plantadas.

Seja em terreno hostil, em meio a pedregulhos ou em jardins tecnicamente bem cuidados, as flores surgem para perfumar e embelezar a vida.

Existem as flores-heroínas, que precisam lutar com valentia por um lugar ao sol. São aquelas que surgem em minúsculas frinchas, abertas em calçadas ou muros de concreto.

Precisam encontrar, com firmeza e determinação, um espaço para brotar, crescer e florescer.

Há flores, cujas sementes ficam sob o solo escaldante do deserto por muitos anos, esperando que um dia as gotas da chuva tornem possível emergir…

E, então, surgem, por poucos dias, só para espalhar seu perfume e lançar ao solo novas sementes, que germinarão e florescerão ao seu tempo.

Em campos cobertos de neve, há flores esperando que o sol da primavera derreta o gelo para despertar de sua letargia e colorir a paisagem, em exuberância de cores e perfumes.

Ah! Como as flores sabem executar com maestria a missão que o Criador lhes confia!

Existem, ainda, flores resignadas, que se imolam na tentativa de tornar menos tristes as cerimônias fúnebres dos seres humanos… enfeitando coroas sem vida.

Viver como as flores, portanto, é muito mais do que saber retirar vida, beleza e perfume, do estrume…

É mais do que florescer em desertos áridos e em terrenos inóspitos…

É mais do que buscar um lugar ao sol, estando numa cova escura sob o concreto espesso…

É mais do que suportar a poda e responder com mais vida e mais exuberância…

…Viver como as flores, é entender e executar a missão que cabe a você, a mais bela e valorosa criatura de Deus, para quem todas as flores foram criadas…

Pense nisso!

As flores são uma das mais belas e delicadas formas de expressão do divino artista da natureza.

Parece mesmo que o Criador as projetou e as colocou no mundo para nos falar da grandeza do seu amor por nós, e também como lições silenciosas a nos mostrar como florescer e frutificar, apesar de todos os obstáculos da caminhada…

Pense nisso, e imite as flores!"
____
Fonte: Reprodução de postagem do "Centro Espírita No Caminho da Luz": "Viva como as flores", postado originalmente por: Equipe de Redação do Momento Espírita, com base em história de autoria ignorada - Imagem: Campo de Girassóis, imagens ilustrativas, de autoria desconhecida (Reprodução/Twitter)