Translate

segunda-feira, 29 de março de 2010

The principle of dependent origination



"(...) the principle of dependent origination that things and events do not come into being without causes. 

Suffering and unsatisfactory conditions are caused by our own delusions and the contaminated actions induced by them.

Suffering originates from various causes and conditions. 

But the root cause of our pain and suffering lies in our own ignorant and undisciplined state of mind. The happiness we seek can be attained only through the purification of our minds.(...)"


Versão em português: http://floresemcasa.blogspot.com/2009/05/o-principio-da-origem-dependente.html


sexta-feira, 26 de março de 2010

Não se desepere se a dor lhe visitar.



A dor visita a todos, ninguém passa pela vida física invicto. Muitas vezes vemos nossas dores se transformarem em sofrimento, enfrentamos na vida fases em que surgem transtornos realmente difíceis de suportar. O sofrimento passivo potencializa a sensação de dor, o sentimento vai tornando-se cada vez pior. A reação instintiva do ser é parar e chorar, ou algumas vezes se rebelar contra tudo e contra todos.

Pare com isso! Chega de sofrer! Cabeça não foi feita só pra pendurar óculos, brincos, usar chapéu. Pense! Não deixe que dores acumulem-se e transformem-se na bola de neve que é o sofrer. Seque suas lágrimas, busque na fé e na meditação alívio para sua dor. Se o sofrimento visita a todos, o Criador deve ter seus motivos.

Da mesma forma que durante nossa vida escolar e acadêmica enfrentamos provas, na vida também é assim. Passamos por vários testes durante nossa jornada. Só passa de ano quem estuda e responde corretamente a maioria das questões. Você tem o poder de resolver seus problemas, tudo está dentro de sua mente, amparada por sua consciência.

O que vem de fora serve para alimentar seu corpo físico, o que alimenta seu ser está dento de você. Não busque fora o que você pode encontrar dentro de sí, ou vai acabar não encontrando. Quando encontrar um pergunta sem resposta, um problema sem solução, saiba que a resposta já está dada e o problema solucionado. Os benefícios sempre estão porvir, mas é preciso identificá-los e saber aproveitá-los quando se fazem presentes.

Tudo na vida tem significado e dá significado. Esvazie sua mente, desprograme-se e exercite sua grata aceitação quando se ver sem saída. Nada é como parece, ao passo que não há bem que sempre dure ou mal que não se acabe. Cultive a fé pura e simples, sem conceitos ou preconceitos, quando errar se esforce para acertar na próxima, deixando sua consciência te nortear. Se errar é humano, persistir no erro é burrice.

Quando a dor lhe visitar mentalize todos os benefícios que já recebeu. Exercite-se fazendo mentalmente uma lista de tudo que Deus já fez por você, veja que milagres realmente acontecem aos que tem fé. Você vai encontrar dentro de sí paz, alegria e disposição suficientes para mitigar seu sofrimento. Dentro de você está o remédio que vai aliviar sua dor. Tenha calma, saiba aprender e esperar pacientemente, não se desepere jamais. Quando enfrentar a dor, evite o sofrimento compulsivo, não se culpe; existe um devir, que através de Deus, já cuidou de tudo.

RSSJ - RJ - 26 de março de 2010

terça-feira, 23 de março de 2010

Blog do Pai Maneco: ATENDIMENTO AOS ANIMAIS

Blog do Pai Maneco: ATENDIMENTO AOS ANIMAIS - Seguindo a iniciativa do Pai-de-Santo Ricardo Barreira, de São Paulo, o Terreiro do Pai Maneco, em Curitiba - PR, inicia agora em março o atendimento espiritual para animais de estimação. Saiba mais clicando no link acima.

sábado, 20 de março de 2010

Equinócio de Outono e Ano Novo Zodiacal



Hoje, 20 de março, mais precisamente as 14h32min, aconteceu mais um Equinócio de Outono. Segue também a entrada do Ano Novo Zodiacal, com o ingresso do Sol no signo de Áries. No equinócio (aequus=igual; nox=noite) o dia e a noite têm exatamente a mesma duração, com 12 horas para cada um. O horário do equinócio marca o exato momento em que o Sol estará iluminando de maneira igual os dois hemisfério da Terra. Nesse mesmo momento ocorre o Equinócio Boreal (de Primavera) para o Hemisfério Norte.

O Outono, desde os primórdios da humanidade, sempre foi conhecido como o tempo da colheita e a época das frutas. Há, então, a perspectiva do amadurecimento. Se entendermos o signo anterior a Áries, que é Peixes, como a culminância do ciclo zodiacal, quando há um total envolvimento com as emoções, a psique, o meio ambiente e a espiritualidade, constatamos que Áries marca um re-início após um período de maturação, um novo nascimento, a hora de colher e experimentar a novidade de uma nova fase, de um novo processo.

Se em Peixes a individualidade dilui-se no Todo e em Áries ocorre um renascimento e uma repersonalização, a estação do Outono é um momento muito propício para observações sobre si mesmo, para que o foco seja colocado sobre a nossa própria pessoa: de que modo iremos “renascer” após o término do antigo ciclo? Por quais metas iremos batalhar daqui pra frente? Áries nos ensina que nossas metas pessoais dependem, antes de tudo, de nós mesmos. O livre-arbitrio de cada indivíduo só pode ser decidido por ele mesmo.

Em primeiro lugar, é importante se desfazer e abrir mão das coisas que adquirimos durante as experiências do ciclo anterior e já não nos servem mais. Essa limpeza eliminará todo o excesso e permitirá uma maior agilidade e rapidez, características tipicamente arianas. 


Uma boa dica é escrever num pedaço de papel tudo de ruim que nos aconteceu no ano zodiacal anterior, e queimá-lo no primeiro dia do novo ano zodiacal.

A entrada de ano astrológico é um momento de energia, em que um ciclo está encerrando para dar espaço a um novo. Faça orações e avalie tudo de bom e de ruim que aconteceu naquele ano. Passe o primeiro dia do ano novo zodiacal com objetos de ferro e aço, pois ssses materiais são elementos de Áries e transmutam a força deste signo emitindo energias para que as pessoas possam captá-las. Vestir roupas vermelhas e tomar sol são outras atitudes favoráveis.

Recolhimento, meditação... austeridade é a chave, para canalizar de maneira adequada as energias deste novo tempo que chega. Para os nascidos sob o signo de Áries o Inferno Astral vai terminando, no dia e hora em que nasceu. Associações >> Elemento: Fogo ✑ Regente: Marte ✑ Metal: Aço ✑ Pedras: Rubi e Cornalina ✑ Perfume: Mirra ✑ Plantas: Gerânio, Urtiga, Madressilva e Cedro ✑ Animais: Galo, Jaguar e Carneiro ✑ Países: Inglaterra, França, Japão, Alemanha e Polônia ✑ Cor: Vermelho ✑ Órgão: Cabeça ✑ Dia da semana: Terça-feira ✑ Verbo: "Eu posso" ✑ Atrações: Gêmeos, Leão e Libra.

Origens Mitológicas de Áries

Ares era o deus grego da guerra e da pestilência. Ele era filho de Zeus e Hera. Era o espôso de Afrodite. Os romanos o associaram com Marte, o inimigo dos tiranos e o defensor dos justos. O filho de Néfele, Frixo, foi falsamente acusado de raptar Demodice. 

Por este motivo foi condenado à morte, mas foi resgatado por um carneiro dourado. Frixo escapou ileso. Em gratidão, ele sacrificou o carneiro a Zeus. A imagem do carneiro foi colocada no céu, como uma constelação [Áries]. Muitos anos depois, seguindo a sequência das interligadas narrativas mitológicas, Jasão se apossou do tosão de ouro daquele valente animal e isto o tornou famoso.

Recomendado para você

quinta-feira, 18 de março de 2010

Melhore sua conexão com o Universo


Estamos todos conectados ao Universo, e por Ele, uns aos outros. O grau evolutivo e a fé determinam a conectividade de cada ser. As mudanças acontecem a cada momento, recebemos atualização constante.

Se esta transformação é boa ou má, depende da ação e principalmente do prisma pelo qual a vemos. Nossa ótica é fator preponderante de nossa realidade.

Quando a pessoa acorda tudo melhora, o mau humor é natural logo que despertamos. Com o andar da carruagem tudo melhora. Apenas mantenha o foco, para materializar seus sonhos.

Busque também o conhecimento, mas saiba que primordial é o aprendizado espiritual. Através da pura e simples contemplação da natureza, e de sua criação, podemos aprender muito mais que podemos imaginar.

Materialize seu Axé!

quarta-feira, 3 de março de 2010

O Axé materializador

Todas as nossas ações e realizações futuras originam-se na consciência. Nossos pensamentos são como uma incubadora, alimentada pelo Axé, energia que está presente em toda criação. 

O corpo humano, veículo da alma, armazena o Axé em quantidades realmente consideráveis. As células formadoras desta parte material do ser humano renovam-se constantemente e com o Axé ocorre o mesmo.

Na renovação biológica as células mortas voltam para a Natureza, enquanto na renovação etérica o Axé é agente formador da matéria, é o pavimento que calça nosso caminho.

Espaço e tempo nada mais são que teatrializações; na forma de aberrações físicas, produzidas no cerne da mente humana, com objetivo de criar um campo evolucional para educação do Espírito, encarnado na matéria. Todo universo palpável, ao nosso alcance, faz parte do solo assentado pelo Criador para que possamos concluir etapas cármicas pré-estabelecidas. O que não é palpável pode ser esclarecido pela mente humana, isto é física, é matemática, não, é magia.

Teoricamente podemos perceber, compreender esta verdade, pois ela pode ser sentida; entretanto, muitas vezes nos deixamos levar sem aproveitar de acordo o poder que é dado, a cada ser vivente, para escrever sua própria história e até criar as suas próprias adequações as leis da física. Nem tudo está escrito, pois gozamos do livre-arbítrio, dom que nos permite escolher o terreno pelo qual caminharemos, bem como os obstáculos que iremos transpor, para alcançar nosso destino. Isto não é papo furado! É importante para sua vida pessoal e profissional. O acaso depende da sorte enquanto a ação faz sua própria sorte. Inevitavelmente todos chegaremos ao nosso destino, mas a energia gasta com o tempo e distância percorrida depende única e exclusivamente de nós mesmos.

Confesso que por muitas vezes minha escolha foi pelo caminho mais árduo, quiçá pelo gosto de aventura. O resultado aí reside na apreciação do custo/benefício. É claro que a energia despendida ao percorrer um terreno acidentado, por pura opção, poderia perfeitamente ser canalizada na materialização de elementos não menos nobres e mais salutares. O graal aí parece estar no uso correto do Axé, tendo em mente que o escopo está no destino final e não no espaço percorrido ou no tempo gasto. Esforços, apesar de louváveis, não são elemento facilitador.


Independente da escolha é deveras importante termos a percepção da importância de nossos passos. Deve haver gratidão por tudo o que experimentamos em nossa vida, seja a prova doce ou amarga, jamais existe subtração, pois tudo é somado no computo final. Não estou aqui para ser hipócrita, não faço juramento furado. Não há encarnado neste mundo ser que não deseje sucesso em relacionamentos, saúde ou situação material estável. Pois saibam que o Axé é poder materializador de todas estas coisas, além de outras tantas maravilhas que nem sequer imaginamos.

Meditar, seguir crenças religiosas, rituais, filosofias... faça o que quisers, é tudo da Lei, entretanto na maioria das vezes o silêncio basta para que possamos receber a orientação necessária. Esta energia silenciosa, que rege o Universo, atemporal e imensurável, irá lhe atender. Mas atenção! Mesmo sabendo que sempre estes pedidos aos Orixás são ouvidos e atendidos, se não for tomada uma atitude, a resposta esperada poderá ocorrer a qualquer tempo, e nem sempre este é o que irá perdurar nossa vida atual. Zambi (Deus) não usa relógio!

Para lidar melhor com esta relação espaço/tempo, tendo como escopo a materialização síncrona do objeto de suas preces (pedidos, entregas, obrigações...), você precisa criar seu espaço. Aliás, melhor digo, este seu espaço etérico próprio já existe, você apenas precisa encontrar a chave que lhe abrirá a porta. Você irá encontrar seu caminho em algum tempo aqui na Terra: durante uma caminhada, em um sonho, em um momento de silêncio... neste tempo tudo que você pede de bom acontece uma conexão com o Astral. Neste milésimo de segundo o tempo deixa de existir e o Universo, através do Axé, se conecta ao seu corpo físico. Aonde encontrar a chave e a porta par este lugar mágico? Começe sabendo que no Astral Superior não há distância, então estes objetos mágicos estão em toda parte, e lá podem ser encontrados.

Transforme seus pensamentos em silêncio para ouvir, para ver e principalmente para sentir. Experimente compartilhar, de forma ritual, um pouco daquilo que a Natureza lhe dá de volta com Ela. Convide a Natureza para um banquete como convida a sua mãe. Chame o Universo para dentro de você, volte a fazer parte dele como o bom filho que a casa torna. O Axé é a emanação do poder Divino, encontre seu espaço em sua consciência e receba estas bênçãos em tempo. Renove sempre seu Axé!

RSSJ-03/03/2010