Translate

quinta-feira, 29 de junho de 2017

29 Simpatias para o dia de São Paulo e São Pedro



Simpatia é uma forma de magia ou feitiçaria básica, extremamente ligada ao povo, normalmente de origem campesina e geração empírica. As simpatias são formadas da mesma substância da superstição e estão intimamente ligadas a esta. 

Através da simpatia acredita-se que é possível fazer com que forças ocultas atuem sobre o ambiente, modificando, por exemplo, a vontade, o agir ou o destino das pessoas.

Simpatia para superar desilusão amorosa

Separe alguns galhinhos de arruda e coloque-os em 1 vaso bem bonito de sua casa. Ao fazer isso, diga: 

"São Paulo, meu grande santo protetor, peço que a desilusão amorosa pela qual passei deixe de uma vez por todas minha mente e meu coração". 

Leve então o vaso até uma mata e deixe-o lá. Saia sem olhar para trás. Logo perceberá que a dor de amor que está sentindo irá diminuir.

Simpatia da Chave do Amor da Sua Vida 

No dia de São Pedro e São Paulo, ponha a chave da porta de entrada da sua casa embaixo do seu travesseiro, que deve ser novo ou a fronha nova. Ao sonhar, o primeiro homem que aparecer nos seus sonhos será o amor da sua vida. Ao acordar, retire a chave dali.

Simpatia para manter bom astral para atrair paixões 

Na noite de São Pedro e São Paulo, separe as pétalas de uma rosa branca, coloque-as entre as páginas de um livro qualquer, para que sua umidade seja absorvida. Quando as pétalas estiverem secas, faça um saquinho de tecido de algodão branco, com linha branca. Dentro desse saquinho, coloque as pétalas secas. Costure a boca do saco. Você tem aí um ótimo patuá de harmonia, paz e carisma. Leve-o sempre consigo.

Simpatia para conseguir sua casa 

Pegar uma vela branca virgem e marcá-la, com uma caneta, em 9 pedaços. Acender a vela no primeiro dia, ler o pedido, que deverá ser escrito num papel branco, com todas as características da casa pretendida. Deixar a vela queimar até a marca daquele dia, apagando com a ponta do dedo. Repita o ritual nos demais dias até o nono dia, onde a vela acabará de queimar. No final da novena, guardar a chave até seu pedido ser realizado. Quando a casa for conseguida, pendurar a chave atrás da porta como talismã da sorte. Colocar uma casa de cera no altar de São Pedro, como agradecimento pela graça recebida.

Simpatia para conseguir um novo trabalho 

Se você estiver desempregado faça uma oração para São Pedro no dia 20 de junho. São Pedro está sempre pronto para abrir as "portas" àqueles que estão sem emprego. Como pedir essa ajuda? Faça o seguinte pedido: "Meu querido São Pedro, que em vida tivestes o dom de receber a chave divina, abra as portas para que eu possa encontrar toda a proteção no meu trabalho diário. Dê-me a graça de encontrar um emprego (para os desempregados) ou então, proteja o meu ambiente de trabalho de qualquer tipo de mal. Amém!"

Simpatia para fazer uma boa viagem 

No dia dedicado a São Pedro, ao meio-dia em ponto ou as 18 hs, vá a um lugar em que fique sozinho, levante os braços e eleve seus pensamentos aos céus, pedindo que "consiga ir e voltar de suas viagens com saúde e livre de acidentes e de morte súbita. Que Jesus e o Divino Espírito Santo também estejam no volante com você, assim como o Senhor, meu São Pedro amigo"

Simpatia para ter respostas a dúvidas 

Esta oração deve ser feita antes de ir se deitar, na noite do dia 28. Você vai obter a resposta para o que precisa através de um sonho. Depois de fazer a oração, reze também um Pai Nosso e uma Salve Rainha, até o trecho que diz "nos mostrai". 

"Meu glorioso São Pedro, vós que sois poderoso e recebeu a confiança de Deus, por seus méritos, ajuda-me a obter a resposta de que tanto necessito ao problema que tem me afligido. Sua ajuda será de grande valia, já que meu coração está sofrendo. Se eu for uma pessoa merecedora, faça com que eu alcance esta graça vinda do seu poder, meu querido e glorioso São Pedro. Amém!"

Simpatia para proteger a casa e a família

Na véspera do dia de São Pedro ou no dia 29.06, pegue um copo nunca usado e encha de água. Coloque nele a chave da porta da frente da casa, dizendo em voz alta: 

“São Pedro, apóstolo e guardião, envolvei a minha casa e minha família em vossa proteção. São Pedro, proteja minha casa, assim como protege de intrusos o céu, afaste todo e qualquer mal da minha casa e com a ajuda do anjo guardião, não deixe entrar nenhum ladrão”. 

Deixe o copo ao relento e, na manhã seguinte, despeje a água num vaso de plantas, repetindo o pedido.

Simpatia da chave debaixo do travesseiro

No dia de São Pedro e São Paulo coloque uma chave nova debaixo do seu travesseiro. Embrulhe-a em um papel branco com três pedidos e descreva como você desejaria que fosse sua nova casa. Deite-se e mentalizando que São Pedro e seus anjos estarão durante a noite procurando a casa dos seus sonhos.


Outras simpatias:

Nossa Senhora Aparecida (Simpatia para receber uma graça)

Logo que você acordar, faça esta oração: 

"Lembrai-vos, oh! bondosa virgem Mãe Aparecida, que nunca se ouviu dizer que alguém que tenha recorrido à vossa proteção, implorando à vossa assistência, e pedido vosso socorro, fosse por vós desamparado. Animada pois com igual confiança eu recorro a vós, oh! mãe do Filho de Deus, mas dignai- vos a atender-me. Oh! minha bondosa e querida Mãe Aparecida, eu vos peço esta graça (peça a graça que desejar com muita fé e confiança)". 

Em seguida, reze 3 vezes o pai-nosso, 1 ave-maria e 1 glória ao pai. 

Logo que sua graça for alcançada, mande publicar esta oração como forma de agradecer sua bênção.

São Sebastião (Simpatia contra doenças de pele)

Levante às 8 horas da manhã. Acenda na frente de uma igreja 1 vela branca de 7 dias. Em seguida, reze 1 pai-nosso e 1 ave-maria para o santo. Quando a vela terminar de queimar, pegue o que sobrar e enterre num jardim bastante florido. 

Quando notar que o problema com sua pele está melhorando, reze 3 pais-nossos e 3 ave-marias em nome de São Sebastião.

Santa Luzia (Simpatia para problemas de visão)

Acenda 1 vela branca sobre 1 pires. Em seguida, faça a seguinte oração: 

"Em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo: mãe de São Simão, advogada contra as nuvens. Clara é a Lua, claro é o Sol, porque Deus assim o quer. Clara seja minha vista (ou a vista de...). Clara seja de todos os males que afetam ou que venham a afetar, graças à vossa intervenção. Assim seja". 

Em seguida, reze 3 Pai Nosso.

São Cosme e São Damião (Simpatia para proteção para seus filhos)

Compre 1 prato de barro e coloque nele alguns doces e balas. Jogue 1 punhado de açúcar por cima e leve tudo para um jardim. Deixe o prato ali e ofereça a São Cosme e São Damião, pedindo que livre os seus filhos de qualquer tipo de perigo. 

Faça uma oração em agradecimento e volte para casa. Repita esta simpatia sempre no dia 27 de cada mês, sem contar para ninguém.

Santa Edwiges (Simpatia para se manter longe de dívidas)

Dê esmola aos 3 primeiros mendigos que encontrar. Logo após fazer isso, coloque 1 pequena imagem dessa santa na carteira ou no bolso (ela deve estar benzida). Caso venha perder a imagem, repita o ritual.

São Judas Tadeu (Simpatia para superar dificuldades)

Repita 3 vezes esta frase: "São Judas Tadeu, glorioso apóstolo, fiel servo e amigo de Jesus. Rogai por mim que estou tão desolada e precisando da sua ajuda neste momento" Em seguida, faça o pedido com muita fé.

Todos os Santos (Simpatia para alívio de dores)

Ao meio-dia, acenda 1 vela branca de 7 dias, pedindo para todos os santos que fique livre de qualquer tipo de mal que possa vir a afetar sua vida e prejudicar seu corpo e sua alma. Em seguida, reze 1 terço inteiro em homenagem aos santos.

Santa Gertrudes (Simpatia para ter a paixão correspondida)

Compre 1 perfume de sua preferência e peça para alguém benzer, passando a mão sobre o frasco várias vezes. Depois, faça 1 oração para Santa Gertrudes e dê de presente à pessoa amada.

Santo André (Simpatia para receber promoção profissional)

A meia-noite em ponto, usando 1 pente de madeira, penteie seus cabelos 21 vezes, sempre da testa indo em direção à nuca. Feito isso, escreva em 1 fita de cetim azul larga, seu nome e o de seu patrão. Depois, enrole a fita no pente e coloque tudo dentro do seu travesseiro, que deve estar com 1 fronha branca. Durma com esse pente 7 dias. Passado esse tempo, leve tudo aos pés de uma árvore bem bonita e enterre.


Santa Bárbara (Simpatia para não ter medo de tempestades)

Coloque atrás da porta principal de sua casa, 1 copo com água, com 1 colher pequena de açúcar e outra de sal. Peça à Santa Bárbara que a livre de todo tipo de medo que esteja ligado a temporal. Troque todas as semanas o preparado, até sentir que está livre desse medo.

Nossa Senhora das Dores (Simpatia para acabar com aflições)

Escreva seu nome completo em 1 pedaço de papel rosa com caneta azul. Dobre-o 4 vezes e, às 6h da tarde, enterre em 1 vaso florido, pedindo à santa que ajude você a se livrar das aflições. Reze 1 ave-maria em sua homenagem e regue o vaso, que deve ficar em sua casa até sentir que seus problemas foram resolvidos. 

Depois, deixe-o em um jardim.

São Jerônimo (Simpatia para reatar um relacionamento)

Antes de se deitar, pegue 1 copo com 2 dedos de água e junte 1 colher de café em pó. Depois, escreva o nome da pessoa amada em forma de cruz num pedaço de papel novo branco. Coloque o papel dentro do copo e deixe-o lá por 3 dias seguidos. No quarto dia, pegue o copo e leve-o para uma pedreira ou qualquer lugar abandonado. Reze 1 pai-nosso e 1 ave-maria, oferecendo a São Jerônimo. Deixe o copo e vá embora, sem olhar para trás.

São Caetano (Simpatia para reconciliação)

Num pedaço de papel cor-de-rosa, escreva o nome completo do seu amor, a oração ave-maria e a seguinte frase: "São Caetano, gostaria que (nome da pessoa amada) se apaixonasse novamente por mim, o mais rápido possível" Dobre o papel e coloque-o no meio de 1 prato pequeno de papelão, junto com 3 balas. Deposite esta oferenda em um jardim bem florido.

Santa Clara (Simpatia para ter o caminho protegido e iluminado)

Reze uma oração em louvor à Santa Clara e, em seguida, pegue 3 claras de ovo, coloque-as num copo e deixe num lugar bem alto ou em cima da casa, no telhado. 

Após 3 dias, pegue o copo e jogue as claras em água corrente (pode ser na descarga), fazendo preces à Santa Clara. Não esqueça de dizer a famosa frase que reverencia a santa, "Santa Clara, clareai", porque assim ela ilumina e abre todos os seus caminhos. 

O copo, depois de lavado, pode ser usado normalmente.

Santo Estevão (Simpatia para se ver livre do nervosismo)

Durante 3 dias seguidos, levante-se e, antes de falar com qualquer pessoa, tome um banho frio e enxugue seu corpo rapidamente. Depois, vista 1 roupa limpa, de cor branca, simbolizando a paz. Em segui- da, reze uma oração de sua preferência ao santo, e finalize com 1 pai-nosso.

Para tirar o vício de beber

Compre meio copo de leite materno de uma mulher que esteja amamentando. Tem que ser comprado, não pode ser doado.  Coloque nove gotas no copo do alcoólatra e dê o resto para um animal de estimação. Mentalize “O que você bebe (nome da pessoa) não beberá mais”. Repita por sete dias, até a pessoa ficar com nojo da bebida.

Para curar eczema

Antes do sol nascer, numa sexta feira, coloque uma bacia com água no quintal. Ao meio dia, a pessoa deve lavar as partes doentes com essa água.

Para diminuir estrias

Passe nas áreas afetadas uma mistura de mel com óleo de amêndoas. Deve-se usar um lenço branco, e passá-lo de baixo para cima. Depois, enterre o lenço num jardim com rosas brancas floridas.

Para perder peso

Durante uma lua minguante, pegar uma linha amarela (não, não é pra pegar o metrô, é uma linha mesmo), e sair no quintal segurando a linha com as duas mãos olhando para as estrelas. Escolha as estrelas bem pequenas, quase invisíveis. Dê um nó na linha, recitando o seguinte: “Estrela, estrelinha formosa e magrinha, me dê sua magreza que eu dou minha gordurinha”. E coloque a linha no pulso. Deve ser repetida em 3 luas minguantes.

Para ajudar a criança a começar a andar

Levar a criança pela mão, varrendo o caminho onde ela vai passar.

segunda-feira, 26 de junho de 2017

Salmo XLIX: "Recebe a salvação aquele que procede retamente"




Promove a sabedoria para a pessoa voltar ao estado natural,  se estabelecer novamente, se restaurar, se reconstruir, se estabilizar, mudar rapidamente. 

Quando vivemos uma crise existencial necessitamos de uma visando do outro lado para prosseguir nossa jornada, podemos recorrer ao Salmo 49 para encontrar as respostas. 

Também recorremos a este maravilhoso Salmo para lançar luz sobre nossas palavras e ações quando trabalhamos pela preservação da natureza: florestas, campos, jardins, espécies em extinção e animais domésticos. O Salmo 49 nos mostra a vaidade da vida do ser humano materialista.

O único verdadeiro refúgio do homem se encontra em Deus. O justo deseja ardentemente a comunhão com o Senhor. Estes Salmos, de 42 a 49, escritos pelos filhos de Corá, serviam originalmente para a adoração no templo em Jerusalém. Servem hoje para elevar os nossos pensamentos em honra do nosso Senhor.



Salmo 49. Salmo do Grupo de corá ao regente do coro:

1. Ouvi isto, vós todos os povos; inclinai os ouvidos, todos os moradores do mundo,

2. Tanto baixos como altos, tanto ricos como pobres.

3. A minha boca falará de sabedoria, e a meditação do meu coração será de entendimento.

4. Inclinarei os meus ouvidos a uma parábola; declararei o meu enigma na harpa.

5. Por que temerei eu nos dias maus, quando me cercar a iniqüidade dos que me armam ciladas?

6. Aqueles que confiam na sua fazenda, e se gloriam na multidão das suas riquezas,

7. Nenhum deles de modo algum pode remir a seu irmão, ou dar a Deus o resgate dele.

8. (Pois a redenção da sua alma é caríssima, e cessará para sempre),

9. Para que viva para sempre, e não veja corrupção.

10. Porque ele vê que os sábios morrem; perecem igualmente tanto o louco como o brutal, e deixam a outros os seus bens.

11. O seu pensamento interior é que as suas casas serão perpétuas e as suas habitações de geração em geração; dão às suas terras os seus próprios nomes.

12. Todavia o homem que está em honra não permanece; antes é como os animais, que perecem.

13. Este caminho deles é a sua loucura; contudo a sua posteridade aprova as suas palavras. (Selá.)

14. Como ovelhas são postos na sepultura; a morte se alimentará deles e os retos terão domínio sobre eles na manhã, e a sua formosura se consumirá na sepultura, a habitação deles.

15. Mas Deus remirá a minha alma do poder da sepultura, pois me receberá. (Selá.)

16. Não temas, quando alguém se enriquece, quando a glória da sua casa se engrandece.

17. Porque, quando morrer, nada levará consigo, nem a sua glória o acompanhará.

18. Ainda que na sua vida ele bendisse a sua alma; e os homens te louvarão, quando fizeres bem a ti mesmo,

19. Irá para a geração de seus pais; eles nunca verão a luz.

20. O homem que está em honra, e não tem entendimento, é semelhante aos animais, que perecem.





segunda-feira, 19 de junho de 2017

Cristo e Krishna, avatares divinos semelhantes



JESUS E KRISHNA | CONHEÇA SUAS SEMELHANÇAS

Foi em 1920 que o mestre iogue indiano Paramahansa Yogananda deu início ao projeto de sua vida: apresentar, ao Ocidente, a essência da ciência espiritual de seu país. 

Em discurso proferido na cidade norte-americana de Boston, para líderes religiosos do mundo inteiro, além de tratar de yoga, ele apontou a mensagem comum contida tanto no Bhagavad Gita, escritura sagrada da Índia, como nos evangelhos cristãos. Seu mestre, Sri Yukteswar, era um notório estudioso das religiões do Oriente e do Ocidente e no livro “A Ciência Sagrada” já havia elencado tais semelhanças.

Deste primeiro discurso proferido por Yogananda na América, surgiu um livro intitulado “A Ciência da Religião” que aborda, de forma profunda, o tema “religião”, sobretudo a verdade expressa de diferentes formas por meio dela.

Jesus e Krishna são os expoentes máximos do Cristianismo e do Hinduísmo, respectivamente. Além de serem cosiderados por seus devotos grande avatares – que vieram à Terra apenas para auxiliar no processo de desenvolvimento e iluminar o caminho das pessoas – as suas trajetórias também possuem semelhanças. Muito embora nascidos em países, períodos e culturas distintos, as suas vidas contém algo muito próximo. Vamos refletir sobre isso a partir de um trecho extraído do livro “A Yoga do Bhagavad Gita” de Yogananda? 




SEMELHANÇAS ENTRE JESUS E KRISHNA
*Trecho extraído do livro “A Yoga do Bhagavad Gita

É claro que a figura fundamental do Bhagavad Gita é Bhagavan Krishna. O Krishna histórico está velado pelo mistério das metáforas das escrituras e da mitologia. 

As semelhanças entre os títulos “Krishna” e “Cristo” e as narrativas dos nascimentos miraculosos e dos primeiros anos de Krishna e de Jesus levaram algumas mentes analíticas a sugerir que eles fossem, certamente, uma e a mesma pessoa. Essa concepção pode ser plenamente rejeitada, com base mesmo em indícios históricos superficiais encontrados nos países em que se originaram.

Não obstante, há algumas semelhanças. Ambos foram concebidos divinamente e os nascimentos deles e as missões para as quais Deus lhes ordenou foram preditas. Jesus nasceu em uma humilde manjedoura; Krishna, em uma prisão (onde seus pais Vasudeva e Devaki eram mantidos prisioneiros pelo perverso irmão de Devaki, Kansa, que havia usurpado o trono do pai). 

Tanto Jesus quanto Krishna escapuliram com êxito e foram postos em segurança quando um decreto que condenava à morte todas as crianças do sexo masculino foi proclamado para que eles fossem procurados e destruídos logo após o nascimento. Jesus foi chamado o bom pastor; Krishna, em seus primeiros anos, foi um vaqueiro. Jesus foi tentado e ameaçado por Satã; a força maligna perseguiu Krishna em formas demoníacas, buscando sem êxito assassiná-lo.

“Cristo” e “Krishna” são títulos que têm a mesma conotação espiritual: Jesus, o Cristo, e Yadava, o Krishna (Yadava, nome de família de Krishna, significa sua descendência de Yadu, originador da dinastia Vrishni). Esses títulos identificam o estado de consciência manifestado por esses dois seres iluminados, a unidade deles, estando encarnados, com a consciência de Deus onipresente na criação. 

A Consciência Crística Universal, ou Kutastha Chaitanya, a Consciência Universal de Krishna, é o “filho unigênito” ou único reflexo sem distorções de Deus, que permeia todos os átomos e todos os pontos do espaço no cosmos manifestado. A totalidade da consciência de Deus está manifestada naqueles que têm a plena percepção da Consciência de Cristo ou de Krishna. Como a consciência deles é universal, a luz que deles emana é derramada pelo mundo inteiro.


Um siddha é um ser aperfeiçoado que alcançou completa libertação no Espírito; ele se torna um paramukta, “supremamente livre”, e pode então voltar à terra como avatara – como o fizeram Krishna, Jesus e muitos outros salvadores da humanidade ao longo das eras. Sempre que a virtude declina, uma alma iluminada por Deus vem à terra para, novamente, impulsionar a virtude para diante (Gita IV:7-8). 

Um avatar, ou encarnação divina, tem dois propósitos na terra: um quantitativo e outro qualitativo. Do ponto de vista quantitativo, ele eleva o povo em geral por meio de seus nobres ensinamentos a respeito do bem contra o mal. Mas o principal propósito de um avatar é qualitativo: criar outras almas de realização divina, ajudando a tantos quanto seja possível a alcançarem a libertação.




UMA HISTÓRIA INSPIRADORA

Em 2011, o Brother Santoshananda (da ordem monástica da Self-Realization Fellowship) esteve no Brasil e contou:

“Havia uma menina que tinha  ganho da mãe um mapa mundi. Ela olhava, encantada, para a quantidade de países, cidades, rios, mares, dispostos à sua frente no papel brilhante e colorido.  O irmão mais velho, no entanto, pra acabar com a brincadeira, logo pegou o mapa e o rasgou em muitas partes, devolvendo à garotinha apenas os pedaços.

A menina foi se queixar com a mãe, que prometeu trazer um novo presente ainda naquele dia. Quando isso aconteceu, no entanto, a criança já tinha resolvido o problema. Percebendo que o verso do mapa apresentava a imagem de um homem, baseou-se nisso para colar as partes rasgadas que deram forma – novamente – ao seu mapa. O que aprender com essa história? O segredo da transformação planetária, que resultará em paz e harmonia entre todos, começa na transformação de cada ser humano.”

Yogananda costumava dizer que: “Saber que os avatares divinos, para se tornarem perfeitos, já tiveram de passar pelos mesmos tipos de provas e experiências humanas por que passamos nos dá esperança em nossa própria luta.”

Que Jesus e Krishna continuem nos abençoando com os seus exemplos e nós possamos, individualmente, trabalhar pelo nosso desenvolvimento tendo ciência de que – alinhados com o Pai – ele naturalmente acontecerá.


sexta-feira, 16 de junho de 2017

Deixar grãos de molho faz bem à saúde



Por que deixar Grãos e Leguminosas de Molho antes de consumi-los?

Afinal, qual é a vantagem de se deixar grãos e sementes de molho previamente? Deixar os grão de molho não diminui seu valor nutritivo? Deixar grãos e sementes de molho não altera o seu sabor?

A bem intencionada recomendação atual para se consumir grãos integrais como faziam nossos ancestrais e farinhas de grão integrais é, em parte, enganosa, e pode trazer sérias consequências para a nossa saúde.

Sim, nossos ancestrais consumiam grãos integrais, mas nem de longe, da forma como consumimos atualmente. Nossos ancestrais, sabiamente, deixavam de molho ou fermentavam seus grãos antes de consumi-los ou prepará-los na forma de mingaus, pães, bolos, etc.

Eu não sei bem de onde vinha esse conhecimento ancestral de deixar grãos de molho ou fermentando antes de consumi-los, mas é importante citar que estas práticas se adequam muito bem ao que a ciência moderna sabe sobre os grãos.

Todos os grãos contém ácido fítico (um ácido orgânico no qual o fósforo é ligado) em sua camada mais externa. O ácido fítico pode-se ligar ao cálcio, magnésio, cobre, ferro e especialmente ao zinco no nosso intestino e bloquear a sua absorção, e por isso é considerado um antinutriente. Como consequência, uma dieta rica em grãos integrais não fermentados pode levar a sérias deficiências de minerais e perdas ósseas.

A moderna, mas incorreta recomendação para o consumo de grandes quantidades de grãos integrais normalmente melhora o trânsito intestinal num primeiro momento, mas pode levar a problemas como a síndrome do intestino irritado, entre outros desagradáveis efeitos colaterais a médio e longo prazo.


Deixar de molho permite que enzimas, lactobacillus e outras substâncias quebrem e neutralizem o ácido fítico. Um mínimo de 7 horas de molho em água morna e meio ácido (conseguido com soro de iogurte ou gotinhas de limão) é capaz de neutralizar uma grande parcela do ácido fítico contido nos grãos.

Deixar de molho em água morna também irá neutralizar inibidores enzimáticos, presentes em todas as sementes, e predispõe a produção de numerosas enzimas benéficas. A ação dessas enzimas também aumenta as quantidades de vitaminas disponíveis, especialmente as vitaminas do complexo B.

Sabe o que é essa espuma toda? É o que fermentaria dentro da sua barriga, se você não deixasse o feijão de molho em água morna e soro de iogurte, por pelo menos 12 horas.

Já pensou quantos gases? Quanta cólica para você ou para o seu filho?

Essa espuma que sai é o ácido fítico. Quando não deixamos a leguminosa na água de molho antes de cozinhar, esses gases irão fermentar na sua barriga e é por isso que, as vezes quando você come feijão ou lentilha, ou ervilha, todos os alimentos que fazem parte do grupo das leguminosas você vai se sentir mal, com a barriga distendida e com muitos gases.

Os pesquisadores também aprenderam que certas proteínas dos grãos, especialmente o glúten, são bastante difíceis de digerir. Uma dieta rica em grãos integrais não fermentados, em particular os grãos com alto teor de glúten como o trigo, sobrecarrega enormemente todo o mecanismo digestivo.

Quando este mecanismo digestivo “gasta” por causa da idade avançada ou por excesso de uso, os resultados são observados na forma de alergias, doença celíaca, doenças mentais, indigestão crônica e crescimento descontrolado de cândidas.

Pesquisas recentes ligam a intolerância ao glúten com esclerose múltipla. Durante o processo de molho ou fermentação, o glúten e outras proteínas de difícil digestão são parcialmente quebradas em componentes mais simples que são mais facilmente digeridos pelo nosso organismo.

A simples prática de deixar os grãos de molho por um período de 6 a 24 horas antes de consumi-los irá aumentar enormemente os seus benefícios nutricionais.

Fonte: Pat Feldman

terça-feira, 13 de junho de 2017

Pequeno Exorcismo de Santo Antônio

A tradição popular diz que Santo Antônio deu uma oração a uma pobre mulher que procurava ajuda contra as tentações do demônio. Santo Antônio nasceu a 15/08/1195 em Lisboa e faleceu a 13/06/1231 em Pádua.

Sisto V, Papa franciscano, mandou esculpir a oração – chamada também de “Lema de Santo Antônio” – na base do obelisco que mandou erigir na Praça de S. Pedro, em Roma (foto). Este obelisco foi colocado em seu local atual em 10 de Setembro de 1586, é de granito vermelho do Assuão e não tem hieróglifos.  O obelisco esteve no circo de Calígula (monte do Vaticano) a cerca de 300 metros do local atual, desde o ano 37, e tinha no topo uma esfera com as cinzas de César (que agora está no Museu de Roma). 

O transporte do obelisco esteve a cargo do arquiteto Domenico Fontana. Bernini completou o arranjo do espaço com a colunata e a fonte, que é de 1675. Este obelisco sempre se manteve intacto. Há quem diga que o obelisco testemunhou o martírio de São Pedro.



Eis o original, “Lema de Santo Antônio”, em latim:


Ecce Crucem Domini! + 
Fugite partes adversae!+ 
Vicit Leo de tribu Juda,+ 
Radix David! Alleluia!

Eis a tradução:


Eis a cruz do Senhor! + 
Fugi forças inimigas! + 
Venceu o Leão de Judá, + 
A raiz de David! Aleluia !


Esta breve oração tem todo o sabor de um pequeno exorcismo. Também nós podemos usá-la – em latim ou português – para nos ajudar a superar as tentações que se nos apresentam.

Obs.: Onde está "+", fazer o Sinal da Cruz


COMPARTILHE USANDO OS LINKS PARA AS REDES SOCIAIS ABAIXO!



segunda-feira, 12 de junho de 2017

13 simpatias para Santo Antônio, o "Santo Casamenteiro"

Santo Antônio nasceu a 15/08/1195 em Lisboa e faleceu a 13/06/1231 em Pádua.

Sua especialidade, segundo a crendice popular, é arrumar marido (ou esposa). É conhecido como santo casamenteiro e padroeiro dos namorados. 

Segundo a lenda, duas moças não tinham dinheiro para o dote, que era exigido na época para poder se casar, e portanto não conseguiam arranjar marido para subir ao altar. 

Segundo a mesma história, Santo Antônio teria jogado um saquinho de moedas pela chaminé das duas moças desamparadas. Assim elas puderam pagar o dote para casar. Este episódio teria dado origem à sua fama de ajudar as solteiras a encontrar marido.

Para entrar nas boas energias do "Santo Casamenteiro", segue 13 simpatias simples, para fazer e ser feliz no amor. Pra quem tem fé, não custa tentar, não é mesmo?


Simpatia 1 

Leve uma imagem de Santo Antônio para uma igreja e peça para o padre benzer. Enquanto o padre benze, você vai rezar para o Santo dizendo: 

“Santo Antônio, quero ter um homem em minha vida, não quero mais ficar sozinha, prometo a você que irei oferecer flores em seu nome no dia do seu aniversário, e passar esta simpatia pra quem necessita da sua ajuda.  Ah… Santo Antonio, pense bem, não será lindo ofertar flores em seu nome?”


Simpatia 2 

Vá ate uma casa religiosa e compre um Santo Antônio feito de madeira de guiné. No dia de Santo Antônio você separa o Menino Jesus dele e peça: 

”Santo Antônio, Santo Antônio, faça (fulano) se casar comigo que devolvo o teu menino.” 

Manter o menino separado do Santo Antônio e só devolver quando casar.

Simpatia 3 

Para uma mulher solteirona se casar, conte 3 palmos de uma fita branca e corte. Amarre este pedaço da fita numa imagem de Santo Antônio. Coloque a imagem em seu quarto e peça a Santo Antônio para que arrume um casamento para ela. Peça também para que a sua mãe ou uma amiga fiel faça a simpatia, sem que você veja. Irá reforçar a simpatia.

Simpatia 4 

Para casar-se depois de uma certa idade: durante sete domingos seguidos, assista a sete missas (uma por domingo) numa igreja de Santo Antônio. Ofereça cada missa à Virgem Maria, mãe de Jesus, esposa de José. Após a última missa, acenda sete velas brancas aos pés de uma imagem de Santo Antônio e mentalize o desejo de se casar.


Simpatia 5 

Abra a porta da frente da casa para que Santo Antônio permita a entrada de alguém especial na sua vida, dizendo: 

"Santo Antônio, protetor dos namorados, faça chegar até a mim aquele que anda sozinho e que em minha companhia será feliz". 

Você pode ainda acender uma vela rosa de qualquer tamanho em um pires com mel e pedir a Arcanjo Haniel a verdadeira realização afetiva.

Simpatia 6 

Para uma mulher idosa arranjar namorado: no dia de Santo Antônio, pegue 3 penas de qualquer passarinho, 3 pétalas de rosas vermelhas e 1 medalha de Santo Antônio. 

Embrulhe tudo num paninho branco e leve-o consigo sempre. Ao trocar de roupa, continue usando. Faça isso por 10 dias e depois jogue num gramado as penas e as pétalas, mas conserve a medalha sempre perto de você. 

Simpatia 7 

No dia de Santo Antônio, em uma festa junina, coloque água na boca e comece a rodar em volta da fogueira. O primeiro nome que você ouvir alguém chamando ou gritando, será o nome do seu futuro marido.

Simpatia 8 

Deve ir a um casamento e dar de presente aos noivos uma imagem de Santo Antônio, da qual terá retirado o Menino Jesus. Quando no casamento, pedir no altar para se casar com alguém, seja conhecido ou não. Assim que a graça for alcançada, deve voltar à igreja do casamento e lá depositar a imagem do Menino Jesus.


Simpatia 9 

Esta é para ser pedida em casamento. Pegue uma fita vermelha e use-a no sutiã, entre os seios, por sete dias. Após esse prazo, coloque-a dentro de um envelope, lacre-o e coloque-o no altar de Santo Antônio. Reze ao santo pedindo que realize seu desejo, depois acenda uma vela de sete dias.

Simpatia 10 

Para saber se o casamento está próximo: no dia de Santo Antônio, 13 de junho, coloque 2 agulhas iguais dentro de uma bacia com água, com 2 colheres de açúcar. No dia seguinte veja com estão as agulhas. Se estiverem juntas é porque o casamento está próximo.

Simpatia 11 

Para se casar. Quando ouvir tocar o sino de qualquer igreja, vá até lá, entre e faça um pedido a Santo Antônio, o santo casamenteiro, para que lhe arranje um bom marido, amoroso e fiel. Quando tiver o seu desejo atendido, volte à igreja para agradecer a Santo Antônio. Assista a uma missa ou acenda vela para o santo. 

Simpatia 12 

Pra encontrar seu futuro amor. Ponha a imagem do Santo Antônio debaixo de sua cama, durante três noites seguidas. Antes de dormir, imagine o seu corpo rodeado por uma luz rosada. Na manhã do quarto dia, prepare um banho de casca de maçã com uma colherada de mel. Conhecerá rapidamente uma pessoa especial. 


Simpatia 13 

Para se casar. Retire 3 espinhos de uma rosa vermelha e coloque dentro do perfume que você usa e que a pessoa gosta. Peça para Santo Antônio remover os obstáculos “se for para a felicidade de ambos”. Use o perfume sempre que estiver com a pessoa.

Que Santo Antônio te abençoe, e boa sorte! 


Oração para fazer um pedido a santo Antônio de Pádua 

"Vos saúdo, Antônio de Pádua, e pela grande fé que tenho em Nosso Senhor Jesus Cristo, a quem lealmente servistes, e na sempre Virgem Maria, que tanto amastes, e no dulcíssimo Menino Jesus que em vosso aposento achastes; pelos trinta e três anos que viveu e depois morreu na Cruz por nosso amor, e pelos três anos que estivestes vós no deserto, desejoso de achar a aquele supremo Senhor, que vos apareceu e vos disse aquelas palavras:

"Antônio, sempre estarei ao vosso lado, selarei vosso coração"; pelo hábito que vestistes, pelo cordão que vos cingia, pelos muitos milagres que Deus tem feito e faz todos os dias por meio de vossa intercessão, pela grande confiança que tenho em vossa intercessão, vos suplico, prostrado em terra, que vos dignes interceder diante de Nosso Senhor Jesus Cristo, para que me conceda por vosso intermédio, se me convém, a graça que desejo....

(Mencionar o favor a pedir)

Senhor meu Jesus Cristo, pelos méritos de vosso servo Antônio, assim como ressuscitastes os mortos e livrastes a seu pai, concedei-me esta graça pelos méritos e intercessão de vosso servo Antônio, por quem as coisas esquecidas são recordadas, as ausentes se fazem presentes, as perdidas se acham, as justamente propostas são aceitadas e as começadas são acabadas; assim vos rogo, Deus meu potentíssimo, me concedais aquela graça que desejo, se é conforme a vossa Santa Vontade.

Pai-Nosso... Ave-Maria... Glória ao Pai...

Deus meu Jesus Cristo, por vossa infinita Misericórdia aquietai as angustias de meu coração, para que vivendo e morrendo, possa sempre adorar-Vos, bendizer-Vos e glorificar-Vos. Amém."

quinta-feira, 8 de junho de 2017

मुद्रा Posições, das mãos, que podem curar



DEZ POSIÇÕES COM AS MÃOS QUE TÊM IMENSO PODER DE CURA

Você sabia que suas mãos têm um poder de cura que tem sido usado durante séculos?

Mudras são posições das mãos usadas para influenciar a energia de seu corpo físico, emocional e espiritual.

Os mudras têm sido usados no Oriente há milhares de anos e foram praticadas por muitos líderes espirituais, incluindo Buda. Hoje, os mudras ainda são usados ​​em yoga e meditação.

Às vezes, podemos inconscientemente colocar nossas mãos em posições mudra sem sabê-lo, e outras vezes nós usamos para ajudar a canalizar e estimular a energia.



1. Gyan Mudra (Mudra do Conhecimento):



A ponta do dedo indicador toca a ponta do polegar, enquanto os outros dedos permanecem retos.

Benefícios: Melhora o conhecimento, estimula a pituitária e glândulas endócrinas; aumenta a memória, ajuda a meditação, previne a insônia, e pode melhorar o humor e trazer clareza.

Prática: A qualquer momento, sentado, em pé ou deitado na cama.

2. Prithvi Mudra (Mudra da Terra): 



A ponta do dedo anelar toca o polegar enquanto os outros dedos permanecem em linha reta para fora.

Benefícios: Reduz deficiências físicas e espirituais, pode aumentar a força da vida, pode ajudar a limpar a pele, e promover a funcionalidade do corpo.

Prática: A qualquer hora.

3. Varuna Mudra (Mudra da Água):




A ponta do dedo mindinho toca o polegar enquanto os outros dedos permanecem em linha reta.

Benefícios: Ajuda a equilibrar a emoção, ajuda a reter água, ajuda a aliviar a prisão de ventre e cólicas, e também pode ajudar a regular os ciclos menstruais e condições hormonais.

Prática: 15 minutos três vezes por dia.

4. Vayu Mudra (Mudra do Ar): 



O polegar é colocado sobre o dedo indicador enquanto o resto dos dedos permanecem retos.

Benefícios: Ajuda a acalmar uma mente ansiosa, acalma a voz tensa, pode ajudar a diminuir o stress e ajuda a reduzir a impaciência e a indecisão.

Prática: 10 a 15 minutos, três vezes por dia.

5. Shunya Mudra (Mudra do Vazio):



A ponta do polegar pressiona o dedo do meio para baixo, enquanto o resto dos dedos ficam para cima.

Benefícios: Reduz a fadiga, pode ser altamente eficaz para dores de ouvido, ajuda a restaurar a confiança, e aumenta a cognição mental.

Prática: 40-60 minutos por dia - para dor de ouvido, 4-5 minutos.


6. Surya Mudra (Mudra do Sol):



Dobre o dedo anelar sob o polegar, enquanto o resto dos dedos permanecem em linha reta.

Benefícios: Ajuda a estimular a glândula tireóide; Estimula a digestão; Ajuda a aliviar a ansiedade e stress; ajuda a guiá-lo para o seu propósito.

Prática: 5 a 15 minutos, duas vezes por dia.

7. Prana Mudra (Mudra da Vida):



O dedo anelar e mindinho dobram para alcançar o polegar, enquanto o indicador e o dedo médio permanecem apontados diretamente para cima.

Benefícios: Melhora a força da vida, ajuda a fortalecer a mente, corpo e espírito, ajuda nas tomadas de decisões, melhora a imunidade e motivação, ajuda a melhorar a visão e reduz a fadiga.

Prática: A qualquer hora.

8. Apana Mudra (Mudra da digestão):



O dedo médio e anelar são dobradas sob o polegar enquanto o mindinho e o dedo indicador ficam voltados para cima.

Benefícios: Ajuda a regular o sistema excretor, ajuda a desintoxicar e estimular os movimentos intestinais;  alivia a prisão de ventre e hemorróidas.

Prática: 45 minutos por dia:

9. Apana Vayu Mudra (Mudra do coração):



O dedo indicador dobra-se para tocar a base do polegar, enquanto a curva do dedo médio e anelar tocam a ponta do polegar. O dedo mindinho permanece esticado.

Benefícios: Estimula a cura do coração, ajuda a proteger fisicamente o coração, e também pode ajudar a reduzir  gases e azia.

Prática: 15 minutos, duas vezes por dia.

10.) Linga Mudra (Mudra de calor):



Entrelace os dedos das duas mãos, mas mantenha o polegar da mão esquerda apontando para cima. Leve o polegar direito a envolver o polegar esquerdo para que ele toque o dedo indicador da mão direita.

Benefícios: ajuda a estimular calor no corpo, ajuda a reduzir o catarro e congestão nasal; é bom para fortalecer os pulmões e ajuda a revigorar e equilibrar o corpo.

Prática: A qualquer momento, porém sem excessos.

Namastê!

Fonte: Compartilhado de http://universodaespiritualidade.com/DEZ-POSIES-COM-AS-MOS-QUE-TM-IMENSO-PODER-DE-CURA


segunda-feira, 5 de junho de 2017

Benefícios do Manjericão Santo, Tulsi




Manjericão Santo remove flúor da água e beneficia a glândula pineal

Uma planta chamada Tulsi, ou Manjericão Santo (Ocimum tenuiflorum), que cresce por toda a Índia pode ser apenas outra resposta para retirar o flúor da água em países pobres em todo o mundo. 

Cientistas da Universidade de Rajasthan descobriram que o Tulsi pode substituir algumas das alternativas mais caras para a remoção de flúor.

Os investigadores conduziram o experimento em uma aldeia de Narketpally, imergindo 75 mg de folhas de manjericão santo em 100ml de água que tinha mais de 7 partes de flúor por milhão de água. 

Após a imersão das folhas em água durante apenas 8 horas, o flúor foi reduzido para apenas 1,1 partes por milhão. A Organização Mundial de Saúde diz que os níveis "seguros" de flúor na água não são mais do que uma parte por milhão.

Com a recente admissão da Universidade de Harvard que o flúor é ruim para a saúde, e as notícias continuadamente apontam para o flúor sendo responsável por esgotar a capacidade do cérebro causando déficit de atenção, ou mesmo calcificando a glândula pineal, (que inibe importantes secreções hormonais como a melatonina e serotonina, e DMT), é uma notícia maravilhosa de que um remédio tão simples foi encontrado.


Alguns perigos do flúor

Como mencionado, o flúor tem sido associado a diversas consequências para a saúde, e por uma boa razão: é tóxico.

Um estudo de Harvard explica: "As crianças em áreas de alta quantidade de flúor tinham significativamente menor QI do que aqueles que viviam em áreas  de baixa quantidade de flúor".

A EPA teve declarações semelhantes, demonstrando como o flúor apresenta "evidência de neurotoxicidade de desenvolvimento" e pode danificar os bebês em gestação. "O flúor atravessa facilmente a placenta. A exposição ao flúor para o cérebro em desenvolvimento, que é muito mais suscetível a danos causados por substâncias tóxicas do que o cérebro maduro, pode, eventualmente, levar a danos de natureza permanente".

Um documento intitulado Fluride - A Modern Toxic Waste diz o seguinte: documentos de uma pesquisa mostram que o flúor aumenta a taxa de crescimento do tumor [de câncer] em 25% em apenas 1 ppm, produz tumores melanóticos, transforma células normais em células cancerosas e aumenta a carcinogênese de outros produtos químicos.

Foi mostrado em 1977 que a fluoretação da água provoca cerca de 10.000 mortes por câncer em estudos epidemiológicos por Dr. Dean Burk, o ex-chefe da Seção de citoquímica no Instituto Nacional do Câncer e Yiamouyiannis.

Para os países pobres, o uso de Tulsi para a purificação de água é o ideal, mas também para as nações "civilizadas" que colocam flúor na água potável, para começar. Talvez possamos ignorar os filtros de água mais caros e usar a natureza em seu lugar.

Agora, se pudermos descobrir como remover o cloro, pesticidas e outros resíduos tóxicos, com uma planta, isso seria precioso. Opções além da compra de um sistema de osmose reversa seria tão benéfico como folhas de Tulsi, uma vez que até mesmo plantas de casa tendem a crescer melhor em água sem cloro em si, e os peixes definitivamente não gostam do produto químico. Se folhas de Tulsi fazer isso com o flúor, não há porque não ter outra planta na cornucópia da natureza que possa ajudar com outras toxinas.