Translate

quarta-feira, 14 de novembro de 2018

Como dominar a mente, por Swami Satyananda




Swami Satyananda Saraswati/ILoveindia
Swami Satyananda, um discípulo de Swami Shivananda, é um professor de ioga e guru, ligado à Sociedade da Divina Luz. Começou sua busca espiritual com 19 anos. Em 1955 viajou pela Índia como asceta. Respeitado mestre de ioga e tantra, fundou a Bihar School of Yoga. Encarnou no plano material no dia do Natal, em 1923 na cidade de Almora, Índia e desencarnou na cidade de Jharkhand, no dia 5/12/2009, também na Índia. 

Swami Satyananda e seus discípulos usam práticas de ioga tradicionais:

  • asanas para equilibrar o corpo e a mente através do físico
  • pranayama para trabalhar o corpo energético (correspondente ao Ki ou Chi em outras culturas)
  • meditação para acalmar e focar a mente.

Incentivam também a adoção de um estilo de vida iogue, ainda que a pessoa esteja inserida na vida diária familiar.

Adota as atitudes da Jñana Yoga, Bhakti Yoga e outras iogas, para abranger todos os aspectos da vida do aluno e permitir seu desenvolvimento espiritual. Esta abordagem engloba toda a pessoa, não apenas o corpo. A ênfase está na consciência, o estudante é incentivado a conhecer todos os aspectos de sua personalidade: a mudança é um processo natural decorrente da prática regular com consciência total, e não consequência de se forçar o corpo e a mente até, ou além, de seus limites.

Como dominar a mente
(Satyananda)

"Não lute com sua mente. No fim das contas, você será o perdedor. Você nunca irá ganhar ou sair vitorioso. O único caminho para negociar com a mente é dar a ela algo de que ela goste, ocupa-la com um trabalho saudável.

Uma coisa que a mente gosta é de servir a humanidade, ajudar os pobres, alimentar os famintos, cuidar dos doentes, tomar conta dos órfãos, ir de porta em porta e descobrir o problema dos outros e fazer o possível para ajuda-los.

Você verá a transformação da mente. O carbono se torna diamante. Este é o único caminho.

Você pode praticar Raja Yoga, Jnana Yoga e Bhakti Yoga o quanto quiser, mas eles somente pacificarão a mente por um tempo. Se você não pode pensar e desejar apaixonadamente ajudar os outros, também não poderá negociar com a mente. A mente só pode negociar diante de uma proposta sátvica de dedicação e auto-sacrifício.

Não tente controlar a mente como um todo. No fim das contas, você irá falhar. Dedique sua mente a uma causa nobre. Não lute contra a mente. Você ficará doente, terá problemas psicológicos. O único caminho para conquistar a mente é ocupa-la numa causa nobre, dedica-la a um serviço, a um ideal que a faça feliz.

A mente gosta de servir as pessoas necessitadas. Vá a uma instituição prestar algum serviço. Visite um hospital, sirva e cuide de pessoas doentes. Você gostará disso. Você sentirá o coração iluminado depois que estiver fazendo isso.

Até você compartilhar a tristeza e o sofrimento dos outros, considerar a miséria deles como sua própria, nunca irá adquirir controle sobre a mente. Por isto, não é fácil conquistar a mente.

Muitas pessoas que tentam controlar a mente se tornam esquizofrênicas, elas têm a personalidade dividida e separam sua mente em duas partes. Do lado de dentro está sujo e do lado de fora está aparentemente limpo.

Por causa dessa divisão na personalidade as pessoas se tornam doentes, elas têm dor de estômago, constipação, dor na região umbilical e lombar. Por que essas regiões doem? Porque as pessoas estão reprimindo e em conflito com sua mente e emoções.

A mente é uma grande força neste mundo e você nunca deveria tentar suprimi-la. Não lute com a mente-emoção. Não a torture, puna ou critique. Eu discuto esse assunto com meus sannyasins (monges). Eu os mando fazer muito Karma Yoga, servir desinteressadamente aos outros. Digo para eles irem até as vilas, servir aos pobres, visitar de porta em porta e participar do sofrimento das pessoas, das misérias e dificuldades. O resto seguirá automaticamente.

Se uma criança nasce numa família pobre, ao menos vá e lhe dê um berço. Dê roupas quentes para o bebê, alimentos nutritivos para a mãe e algum dinheiro. Esse é um sádhana (prática espiritual) prático que estou dando a vocês."
____
Fonte: com informações da Wikipédia (Swami Satyananda) e do blog "yoga-ensinamentos" - Imagem: Swami Satyananda Saraswati/ILoveindia (reprodução) 

Nenhum comentário: