Translate

quinta-feira, 12 de abril de 2018

São Vitor de Braga ✞ Prece da luta contra as crises




Igreja de São Victor, na freguesia de São Vitor,
cidade, concelho e distrito de Braga, Portugal.
São Vitor ou Victor, nasceu em Portugal, na aldeia de Passos, próxima a Braga, vivendo uma juventude focada em Deus, catecúmeno, se preparava para receber o Batismo.

Uma pessoa de bom coração, São Vitor sempre foi amigo de todos, porém um dia o santo se encontrou com um grupo de idólatras que celebrava a "Ambaruelia", ou "Suilia", a grande festa em honra à deusa Ceres. Ele se recusou a participar e foi então levado pelos homens até o governador. Sendo questionado, confessou perante o tribunal que era cristão. 

O Martírio

Por volta do ano 306, São Vitor viveu o martírio, que ao não renunciar sua fé em Jesus Cristo, foi preso em uma árvore e flagelado, seu corpo foi queimado com lâminas ardentes até que suas entranhas fossem vazadas, sendo em seguida decapitado. Devido ao seu martírio, e fé inabalado, foi considerado um dos Santos Mártires da Igreja, mesmo ainda jovem.

Prece da luta contra as crises 

Deus, nosso Pai, São Vítor sentiu a poderosa força da vossa presença, não se deixou abater pelo medo e pelas torturas sofridas. Ao contrário, rendeu graças pelo vosso amor. 

Senhor, dai-nos a graça da vossa presença nesta nossa caminhada sinuosa. Vossa mão nos indique o caminho para que não passemos a vida inteira errante de sentido e direção. Sigamos vossos passos rumo à ressurreição. 

Senhor, que nos deixemos curar e sejamos curados de nossas chagas; que demos ao mundo testemunho de nossa alegria. O nosso ofício seja servir e semear a esperança nos corações aflitos e desesperançados. 

Toda lágrima seja enxugada, toda aflição e gemido sejam ouvidos, toda promessa cumprida. Todo o gênero humano vos renda graças por vossas maravilhas. 

Amém

Um comentário:

Anônimo disse...

April 12
St. Victor of Braga, Martyr

THIS city was a populous resort of the Romans; on which account it was watered with the blood of many martyrs in the persecution of Dioclesian. The names only of SS. Victor, Sylvester, Cucufas, Susana, and Torquatus have reached us. Their triumphs are honoured in that church, and recorded by Vasæus in his chronicle, and other Spanish historians. St. Victor, who is mentioned in the Roman Martyrology on the 12th of April, was a catechumen, who, refusing to sacrifice to idols, was condemned to lose his head, and baptized in his own blood. See F. Thomas ab Incarnatione. Hist. Portug. Sæc. 4, c. 6, p. 218.

Rev. Alban Butler (1711–73). Volume IV: April.
The Lives of the Saints. 1866.