Translate

segunda-feira, 18 de setembro de 2017

23 de Setembro de 2017, o fim da era das trevas



 O alinhamento de 23 de Setembro de 2017
Dia 23 próximo marcará a chegada de duas estações em duas parte do globo: o equinócio de primavera, no hemisfério sul e o equinócio de outono, no hemisfério norte. E uma curiosidade interessante sobre esse equinócio é que as noites e os dias terão a mesma duração, 12 horas. 

No mesmo dia também acontecerá um alinhamento entre 4 planetas, a Lua, o Sol, e mais 6 estrelas na constelação de Leão, incluindo a estrela Regulus. Estarão, portanto, alinhados em nosso sistema solar: Vênus, Marte, Mercúrio, o Sol, Júpiter e a Lua.

Este evento, segundo místicos e profetas da Nova Era, deve abrir um grande portal em nosso sistema solar. Haverá um enorme influxo de energia, abrangendo toda atmosfera solar. Essa energia, que será gerada em larga escala pelo alinhamento, vai dar impulso à transformação global em nosso orbe terrestre. Espalhou-se na internet, bem como em algumas correntes místicas e religiosas de que se trata do Apocalipse.

Em Apocalipse 12, na Bíblia, nós temos a seguinte profecia dada por João:

“E viu-se um grande sinal no céu: uma mulher vestida de sol, tendo a lua debaixo dos pés e uma coroa de doze estrelas sobre a cabeça. E estava grávida e com dores de parto e gritava com ânsias de dar à luz. E viu-se outro sinal no céu, e eis que era um grande dragão vermelho, que tinha sete cabeças e dez chifres e, sobre as cabeças sete diademas. E a sua calda levou após si a terça parte das estrelas do céu e lançou sobre a terra; e o dragão parou diante da mulher que havia de dar à luz, para que, dando ela à luz, lhe tragasse o filho. E deu à luz um filho, um varão, que há de reger todas as nações com vara de ferro; e seu filho foi arrebatado para Deus e para o seu trono.”


Entretanto o verdadeiro significado do Apocalipse, seria não o do fim do mundo, mas sim o final de uma era de trevas, o fim de uma era marcada pela ignorância, para o nascimento de um Novo Mundo. As grandes quantidades de energia podem ser sentidas fisicamente pela maioria das pessoas; somadas as altas cargas de fótons registradas em nosso sistema solar, estas forças estão impulsionando toda humanidade a um novo despertar, a buscar uma nova Consciência.

É como se raios de Luz começassem a rasgar uma escuridão que durou por éons. É o raiar de uma Nova Aurora no Planeta Terra. As poderosas energias que se irradiam sobre toda humanidade são bençãos dos Céus, do Alto, das Esferas Superiores, para nosso orbe: o início de uma Era de Luz.

Em nosso Planeta irão permanecer apenas as Almas que buscam a evolução, a melhora, sintonizadas com o progresso e a a elevação. Espíritos que permanecem apáticos, almas enraizadas no egoísmo, nos sentidos inferiores, na materialização exacerbada, na prática do mal, não mais irão reencarnar na Terra, sendo direcionadas a outra esfera, de expiação, condizente com sua condição. 

Essa esfera, interdimensional, é conhecida por muitos como Nibiru, ou Planeta X, dentre outras denominações, e cruzou, em outro plano dimensional, com a órbita terrestre no início da Era de Aquário. Este planeta invisível, de esfera inferior, está tragando almas que não buscaram a evolução na Terra, isto para que outras, evoluídas e de esferas superiores possam continuar a chegar e aqui encarnar.

A Terra finalmente deixa de ser um Planeta de provas e expiações e passa finalmente a um grau mais elevado, de regeneração sustentável, tanto para as almas encarnadas quanto às desencarnadas que aqui permanecerem. Resumindo, não teremos fim do mundo no dia 23 e sim o início de novos tempos, de Glória para todo Sistema Solar. 

A Terra nos abraça a todos e nos convida a entrarmos com ela em um Novo Tempo Planetário. Se queremos testemunhar e usufruir desta Nova Era, o momento é de amar! É momento do bem reinar! Estamos dando um grande salto evolutivo nesta primavera astral.  A humanidade está sendo fortemente irradiada pela Luz do Cristo. Vivemos a Era de Aquários, aproveitemos! Axé!

Leia também:
E se o mundo acabar na primavera?

Um comentário:

Anônimo disse...

Até a BBC comenta sobre a data:

A profecia de Nibiru, o suposto planeta que alguns grupos dizem que levará ao fim do mundo no dia 23
22 setembro 2017

A profecia de Nibiru foi divulgada há duas décadas e segue circulando na internet

Já existe uma nova data para o fim do mundo.

A última teoria do apocalipse afirma que um corpo celeste desconhecido, chamado Nibiru ou Planeta X, vai colidir com a Terra em 23 de setembro de 2017.
A profecia sobre Nibiru e o fim do mundo circula na internet há mais de duas décadas e ganhou força nas últimas semanas. A teoria, que combina astronomia, pesquisa científica e passagens bíblicas, já foi descartada pela Nasa em diversas ocasiões.
Inicialmente, a profecia afirmava que a catástrofe ocorreria em maio de 2003. Quando nada aconteceu, seus seguidores fizeram uma nova interpretação e a programaram para dezembro de 2012, fazendo uma conexão com um dos ciclos do calendário maia.

A mais recente previsão teria sido formulada a partir de uma teoria de David Meade, autor do livro Planet X - The 2017 Arrival ("Planeta X - 2014, a Chegada", em tradução livre para o português), que se autodescreve como "especialista em pesquisas e investigações".
Segundo ele, a nova estimativa é baseada em passagens da Bíblia e em supertições que rondam o número 33 - número de dias do intervalo entre o eclipse solar de 21 de agosto, considerado um "presságio", e a data prevista para a colisão de Nibiru.
"Jesus viveu 33 anos. O nome de Elohim, que é o nome de Deus para os judeus, foi mencionado 33 vezes [na Bíblia]. É um número muito significativo biblicamente, numerologicamente significativo. Estou falando de astronomia. Estou falando da Bíblia... e mesclando os dois", disse Meade em entrevista ao jornal americano The Washington Post.

Eclipses, como o do último 21 de agosto, eram interpretados por culturas antigas como presságio de eventos negativos

Como tudo começou

De acordo com jornal britânico The Telegraph, as teorias conspiratórias sobre a existência de Nibiru começaram em 1995, quando a americana Nancy Lieder criou o site ZetaTalk. Ela afirma ser um canal de comunicação com alienígenas, que a teriam alertado sobre a catástrofe de Nibiru.
A teoria ganhou força novamente agora com as previsões de David Meade.
"A passagem do Planeta X pode ser a maior catastrófe sobre a humanidade desde a Arca de Noé".
"Vulcões em toda a Terra vão entrar em erupção junto com múltiplos terremotos de alta magnitude, tsunamis e tempestade de meteoros", descreve Meade em seu site.

'Teoria conspiratória'

Mas essa profecia tem alguma evidência científica?
A agência espacial americana já afirmou em diversas ocasiões que o planeta Nibiru não existe e que não há fundamentos para tal crença.
"É uma teoria conspiratória de internet", garante.
Em artigo publicado em 2012 por conta do suposto apocalipse previsto para aquele ano, a agência foi contundente:
"Se o Nibiru ou Planeta X fosse real e se dirigisse à Terra, os astrônomos estariam seguindo ele há pelo menos uma década, e agora seria visível a olho nu. Obviamente, não existe."
David Morrison é um dos cientistas mais críticos da Nasa e já se manifestou publicamente para desmentir a teoria de Nibiru. Em 2011, ele afirmou que chegou a receber até cinco e-mails por dia de pessoas perguntando sobre o suposto planeta.

David Morrison, cientista da Nasa, gravou vídeos e escreveu artigos para descartar a existência de Nibiru
Morrison definiu ainda como "absurdas" as teses de que Nibiru talvez não tenha sido localizado porque está escondido atrás do Sol, ou porque só pode ser visível do Polo Sul.
Em entrevista ao jornal americano The Washington Post, em janeiro, o cientista lamentou que ainda haja cerca de 2 milhões de páginas na internet sobre a suposta colisão de Nibiru com a Terra.